12 destinos para a primeira viagem internacional sozinha

Um momento especial e muitas vezes complicado é a escolha dos destinos para a primeira viagem internacional sozinha. Com esse vasto mundão nos esperando, não é nada fácil escolher pra onde ir, não acha? O céu é o limite!

Pensei em alguns lugares que acredito serem legais e montei uma lista com sugestão de 13 destinos para a sua primeira viagem internacional sozinha. Quem sabe consigo te ajudar um pouco nessa importante etapa.

Leia também

Como planejar a primeira viagem sozinha

8 países para viajar sozinha e sem passaporte

10 destinos no Brasil para a primeira viagem sozinha

Para montar essa lista, escolhi cidades que possuem algumas características em comum: boa infraestrutura turística, bom sistema de transporte público e diversas atividades que atendem a todos os tipos de viajantes. Ao final de cada destino há uma lista de cidades próximas que você também pode conhecer durante a viagem, seja em um bate-e-volta ou caso queira espichar uns dias a mais.

Isso quer dizer que você não deve escolher outra cidade que não está na lista? Não, de maneira alguma! Selecionei alguns locais que recomendo, mas é claro que existem muitos outros destino para começar a viajar sozinha. E tem outra coisa, apesar de estar numerada, a lista não tem ordem de melhor ou pior. Apenas fui pensando e escrevendo.

contratar seu seguro viagem, obrigatório na Europa. Compare os melhores planos e seguradoras  para o seu seguro viagem.

Destinos para a primeira viagem internacional sozinha

1 destinos para a primeira viagem internacional sozinha Montreal
Vista de Old Montreal, Canadá

Montreal, Canadá

A charmosa Montreal é a segunda cidade mais populosa do Canadá e fica na província francesa de Quebec. Apesar do francês ser o idioma oficial da região, a grande maioria das pessoas também fala inglês.

Já reservou hotel ou hostel para a sua viagem sozinha ? Encontre o hotel ideial e confira as melhores tarifas com cancelamento gratuito!

Montreal é uma cidade bastante dinâmica e com muitas opções turísticas, especialmente se você gosta de cultura, entretenimento e história. A área antiga da cidade, chamada de Vieux-Montréal é prova viva disso, com diversos edifícios ainda da época que a região era uma colônia francesa.

Além disso, Montreal é uma cidade super tranquila e bastante segura. Somando à toda a estrutura turística que a cidade oferece, ainda conta com um ótimo transporte público, com diversas opções de ônibus, um sistema de metrô bastante completo e, também, muitas ciclovias para as amantes da bicicleta.

Fiquei em Montreal na casa de um amigo e usei a cidade como base para as outras viagens que fiz pelo país, como: Toronto, Niagara Falls, Ottawa e Quebec City. Fui em Maio e voltei no início de junho, que foi uma ótima escolha, pois não estava tão frio e deu pra curtir bem.

As principais coisas para ver e fazer: Old Montreal, visitar os diversos mercados, Basílica Notre Dame, Biosfera, Parc Mont-Royal, Oratório de San José, Jardim Botânico, Parque Olímpico, Museu de Belas Artes, Parque Jean-Drapeau e muito mais.

Montreal combina com:

  • Ottawa – Distância: 198 km
  • Quebec City – Distância: 256 km
  • Nova York – Distância: 596 km
2 Orlando: visita ao museu de cera Madame Tussauds | Viajante Solo

Orlando, Estados Unidos

Na hora de escolher entre muitos destinos para a primeira viagem internacional sozinha, por que não optar por Orlando e visitar os parques da Disney e da Universal? Orlando é uma cidade totalmente preparada para receber turistas do mundo todo. A única coisa que não gostei muito é que todo mundo só anda de carro e não há bares nas esquinas. Isso me parece um tanto estranho! Mas é uma opinião bem pessoal e é uma cidade com infraestrutura turística exemplar!

Confira os planos para comprar um chip com internet  entregue na sua casa no Brasil. Você chega ao seu destino já conectada e não precisa perder tempo com isso. Fácil e prático!

Além dos parques temáticos, Walt Disney World, Universal Studios, SeaWorld, entre outros, Orlando também possui uma ótima estrutura para compras. Vou te falar que é difícil de resistir, então, vá preparada para gastar, mesmo não querendo gastar! Você chega por lá e parece que uma aura te envolve e faz você sair gastando! hahaha

O que vale observar caso decida ir, são os meses de lotação nos parques, pois daí não será uma experiência tão legal. Quem está sozinha, em alguns parques e brinquedos, poderá usufruir da single rider, uma fila especial para quem não se importa de ir nos brinquedos com outras pessoas. Dá uma olhada no blog da minha amiga Ana Novais, que lá tem tudo o que você precisa saber sobre esse assunto.

Leia também >> Viajar Sozinha para Orlando

Apesar de contar com diversas opções de atividades turísticas – além dos parques – Orlando deixa a desejar no transporte público. Então, você vai precisar se deslocar com carros alugados, transfers particulares ou dos hotéis, táxis ou aplicativos.

Orlando combina com:

  • Clearwater – Distância: 170 km
  • St Pete Beach – Distância: 181 km
  • Miami – Distância: 380 km
3 destinos para a sua primeira viagem internacional sozinha Amsterdam
Algum dos Canais em Amsterdam, Holanda

Amsterdam, Holanda

Muita gente conhece apenas o lado, digamos, polêmico de Amsterdam: coffe shops onde você pode fumar maconha, o Red Light District (rua onde as prostitutas ficam expostas em vitrines), as baladas. Mas Amsterdam tem muito mais a oferecer, pois consegue reunir diversas atrações turísticas: prédios e bairros históricos para você perambular, a Casa de Anne Frank, muitos museus interessantes como Van Gogh e Rijksmuseum, entre outros. Também poderá visitar a Heineken Experience ou uma casa-barco ou simplesmente passear pelas ruazinhas com casas de tijolos até se perder em meio a tantos canais.

Pensando em alugar um carro na sua próxima viagem? Compare os melhores preços em mais de 100 locadoras! e pague em reais e sem IOF!

Outra questão que torna Amsterdam ideal para a sua primeira viagem internacional sozinha é o deslocamento. Por ser uma cidade pequena, é bem fácil se deslocar de um ponto a outro, especialmente na região central. Dá para fazer tudo a pé e não depender de transporte público. Não existe metrô que circula dentro da cidade, apenas tram (metrô de superfície) e ônibus. O custo do ticket com validade de 24h é de € 8 (Abr 2019), mas também são oferecidos pacotes para vários dias.

Leia também >> Viajar Sozinha para a Holanda

Se você quer se locomover como uma nativa, a bicicleta pode ser uma opção, claro. Amsterdam é totalmente plana e possui ciclovias em ótimo estado por praticamente todos os lados. Se você não é tão experiente no pedal, recomendo evitar pedalar nos horários de rush, pois o tráfego é bastante intenso e acidentes com turistas são vistos a todo momento.

Amsterdam combina com:

  • Rotterdam – 77,8 km
  • Haia – 64,2 km
  • Lisse – Keukenhof – Parque das Tulipas – 48 Km
  • Bruxelas – 255 km
4
Acrópolis, Atenas, Grécia

Atenas, Grécia

Atenas é uma das cidades mais antigas do mundo e sempre foi meu sonho conhecer! Além de ser palco de construções históricas como a Acrópole, o Parthenon ou o Templo de Zeus Olímpico, Atenas é uma metrópole cosmopolita que transpira uma aura jovem e descontraída. É uma cidade muito gostosa de perambular a pé, com muitos barzinhos e com uma culinária exuberante, repleta de carne de cordeiro, iogurtes e muitas especiarias.

Leia também >> Viajar Sozinha para a Grécia

O transporte na região é considerado seguro, mas um tanto quanto caótico já que esta é a maior cidade do país. Existem três linhas de metrô na cidade, inclusive uma que conecta o Aeroporto Internacional com a área central. Eu acabei usando o ônibus Hop on hop off que atendeu super bem e cobre todas as atrações turísticas.

Para somar, a Grécia é considerada um dos países mais seguros da Europa e isso é possível de perceber ao entrar em contato com os gregos, sempre simpáticos e honestos. Ao escolher onde se hospedar, sugiro Plaka, Syntagma (onde fiquei) ou Monastiraki, pois tem muitas opções de hotéis, barzinhos e restaurantes e vai ser fácil de perambular pela cidade.

Atenas combina com:

  • Mykonos – Distância: 176 km
  • Santorini – Distância: 300 km
  • Ios – Distância: 267 km
5 destinos para a sua primeira viagem internacional sozinha Buenos Aires
Tango, El Querandi, Buenos Aires, Argentina – Imagem: Divulgação

Buenos Aires, Argentina

Como já dizia Carlos Gardel, mi Buenos Aires querido! A capital dos nossos hermanos argentinos é um ótimo destino para a sua primeira viagem internacional sozinha! Além da arquitetura charmosa com requintes europeus, Buenos Aires é uma metrópole cheia de vida e repleta de parques, cafés, lojas e pontos turísticos que você pode visitar – faça chuva ou faça sol.

Leia também

Viajar Sozinha para Buenos Aires

O que fazer em Buenos Aires com Chuva

Dentre os pontos turísticos mais famosos estão: a Casa Rosada, o Caminito, Puerto Madero, Teatro Colón, Livraria El Ateneo. Tem ainda a área da Faculdade de Direito, que fica junto à escultura gigantesca Floralis Generica e o cemitério da Recoleta, onde está enterrada Evita Perón. Mas isso é só a ponta do iceberg: Buenos Aires tem opções turísticas para todos os gostos!

No quesito transporte, Beuenos Aires foi a primeira cidade do Hemisfério Sul a construir um sistema de metrô. Apesar de velhinho, o Subte funciona bem e te leva onde você precisa ir com praticidade. Por outro lado, recomendo cuidado ao utilizar táxis na cidade, pois os taxistas portenhos são famosos por aplicar pequenos golpes nos turistas, como trocar as notas ou adulterar os taxímetros.

Confira as melhores ofertas de passagens aéreas para a sua próxima viagem

Apesar disso, Buenos Aires é razoavelmente segura e nunca tive nenhum problema nenhuma das vezes em que visitei a cidade. Tenho certeza que você vai se encantar com essa cidade e também vai querer voltar.

Buenos Aires Sozinha combina com:

6 destinos para a sua primeira viagem internacional sozinha Santiago
Museu Chileno de Arte Precolombino, Santiago, Chile

Santiago, Chile

Santiago do Chile é uma opção incrível para quem quer viajar sozinha, mas tem preferência por começar explorando a América do Sul. Esta é uma cidade bastante organizada e limpa, além de ser segura, quando comparada às grandes cidades brasileiras.

Leia também >> Viajar Sozinha para Santiago

A cidade é plana, o que a torna perfeita para fazer trajetos e passeios turísticos a pé ou de bicicleta. O metrô é super eficiente e, na minha opinião, é a melhor forma de se locomover dentro da cidade te deixando sempre independente.

Em termos de atrações turísticas, você vai ficar sem tempo de ver tudo, acredite. São diversos museus, com destaque para o Museo Chileno de Arte Precolombino, Museu Nacional de Belas Artes e o Museu da Memória e dos Direitos Humanos; Centro Histórico, as casas do poeta Pablo Neruda (duas delas são fora de Santiago, mas dá para visitar em um bate e volta), Cerro San Cristobal, Cerro Santa Lúcia, Mercado Central, Bairro Lastarria, Vinícola Concha y Toro e Cousiño Macul, e muitas, mas muitas outras atrações. E nem falei sobre a gastronomia que é excelente com muitos bons restaurantes e chefs renomados. Posso ficar o dia todo te sugerindo passeios e tenho certeza que você vai gostar da cidade.

Santiago combina com:

  • Vina del Mar – Distância: 127 km
  • Valparaíso – Distância: 120 km
  • Cajón del Maipo – 104 km
  • Atacama – Distância: 1.600 km

Quer ficar conectada o tempo todo durante a sua viagem? Confira os planos e compre um chip com internet 4G ilimitada. Saia do Brasil conectada!

8 destinos para a sua primeira viagem internacional sozinha Lisboa
Lisboa, Portugal

Lisboa, Portugal

Lisboa é uma cidade tão encantadora que eu não poderia deixar de citá-la nesta lista. Inclusive, a capital portuguesa tem se tornado um destino turístico cada vez mais popular na Europa e, com certeza, é uma ótima opção para a sua primeira viagem internacional sozinha!

Leia também >> Viajar Sozinha para Lisboa

A vantagem de escolher a capital portuguesa como seu primeiro destino sozinha já começa pelo idioma: depois que você se acostuma com o sotaque, se comunicar vai ser fácil, fácil. Outra vantagem é a segurança. Em Lisboa, você vai poder explorar as ruas com calçadas de pedrinhas e as fachadas de azulejos azuis e brancos das casas antigas, bem como as (muitas) ladeiras com calma e sem medo de assaltos, inclusive à noite.

A cidade ainda oferece diversos pontos turísticos que falam muito da história de Portugal e, por tabela, a do Brasil. Entre os atrativos, o Monumento Padrão dos Descobrimentos, Torre de Belém, Convento do Carmo, Elevador Santa Justa, Castelo de São Jorge, Museu do Fado, Praça do Comércio, etc. Para quem gosta de curtir a noite, recomendo o bairro Alto e Chiado, que é cheio de restaurantes e barzinhos, onde você poderá ouvir o Fado.

O transporte fica por conta dos clássicos bondes amarelos e também pelo metrô lisboeta, que oferece transporte até o Aeroporto Humberto Delgado e a Estação do Oriente, local de onde se pega trens para visitar cidades vizinhas à Lisboa.

Não deixe de aproveitar um show de fado, comer um pastel de Belém e experimentar uma dose de ginjinha (licor doce tradicional português).

Lisboa combina com:

  • Sintra & Cascais – 30 km
  • Évora – 134 km
  • Óbidos -101 km
  • Fátima – 169 km
  • Batalha – 142 km
  • Faro – 278 km
9 Destinos para a sua primeira viagem internacional sozinha Paris
Trocadero, Paris, França

Paris, França

Paris sempre será uma ótima opção para a primeira viagem sozinha no exterior, especialmente por ser o destino dos sonhos de tanta gente. A cidade luz recebe milhares de turistas todos os dias, então você poderá usufruir da ótima infraestrutura turística francesa.

Apesar dos principais pontos turísticos da cidade serem voltados à história e às artes clássicas, Paris é o tipo de cidade que oferece entretenimento para todo tipo de gente. Se você gosta de fazer compras, é só dar um pulo na Champs-Elýsées ou na Rue de Rivoli para conferir marcas de alto padrão e lojas de roupas e cosméticos. A quantidade de museus é inacreditável e você precisará voltar algumas vezes para bater ponto, até mesmo nos principais: Louvre, Rodin, Orsay, Marmottan, Quai Branly, só pra citar alguns. Na parte de arte contemporânea, dou destaque aos museus pouco conhecidos pelos turistas: Palais de Tokyo, Fondation Louis Vuitton e o sempre gratuito Musée d’Art Moderne de la Ville de Paris.

Leia também:

11 passeios gratuitos em Paris para curtir sozinha

Generator: o melhor hostel em Paris para quem viaja sozinha

Já a segurança em Paris é algo que você precisa ficar atenta e tomar um pouco de cuidado, especialmente no metrô com os batedores de carteira e ao sair à noite ou frequentar bairros específicos. O bairro de Montmartre, os arredores das estações de trem, como na Gare du Nord, por exemplo, são locais onde você precisa estar com os olhos bem abertos! Paris é uma cidade com muitas atrações que lotam e em situações que envolvem muitas pessoas aglomeradas, como na Torre Eiffel, vale cuidar bem dos seus pertences pessoais.

Paris combina com:

  • Rouen – Distância: 134 km
  • Giverny – Distância: 75 km
  • Versailles – 30 km
  • Bruxelas – Distância: 320 km
10 destinos para a sua primeira viagem internacional sozinha Bruxelas
Grand Place, Bruxelas, Bélgica

Bruxelas, Bélgica

Apesar de não ser um destino tão popular assim entre dos turistas que visitam a Europa Ocidental, Bruxelas é uma cidade adorável que, com certeza, proporcionaria uma ótima primeira experiência viajando sozinha para fora do Brasil.

A cidade é a capital da Bélgica e tem como idioma principal o francês. Não é tão difícil encontrar alguém que fale inglês, mas por sorte o povo belga é bastante educado, o que ajuda e muito na hora de tentar se comunicar com alguém que não fala o mesmo idioma que você.

Bruxelas é o tipo de cidade que possui conteúdo suficiente para ser explorada em poucos dias ou por várias semanas. Seus museus contam tanto com uma vasta coleção de obras surrealistas, quanto atrações específicas para os fãs de histórias em quadrinhos e do Tintim.

A arquitetura da cidade é bem variada e mistura construções novas, como o curioso Atomium, com prédios da época medieval, como a belíssima Grand-Place, um dos Patrimônios Mundiais da UNESCO. Por fim, um dos fortes de Bruxelas é o cenário cervejeiro, então, recomendo tirar um momento da viagem (ou vários) para ir a um bar se deliciar com várias as alternativas das cervejas artesanais.

Bruxelas combina com:

11 destinos para a sua primeira viagem internacional sozinha Roma
Coliseu, Roma, Itália

Roma, Itália

A antiga sede do Império Romano é um excelente destino para a sua primeira viagem sozinha. Não está mentindo quem diz que Roma é um museu a céu aberto! Só para começar, temos o Fórum Romano, Coliseu, Galleria Borghese, Palatino, Monumento a Vitório Emanuelle, a praça Navona e as escadarias da Praça de Espanha, além de infinitas fontes incríveis espalhadas pela cidade. Some-se a isso a gastronomia imbatível da Itália.

Já no micro país vizinho, Vaticano, temos a Basílica de São Pedro, a Capela Sistina, O Castelo de Santo Angelo. Com todas estas atrações milenares, reserve tempo para Roma, pois ela merece toda a sua atenção.

A parte turística da capital italiana é razoavelmente segura, mas lotada de turistas, então, a atenção é exigida a todo momento. Você entenderá bem o conceito de lotada, quando chegar a Fontana di Trevi. Se conseguir bater uma foto sem uma mão ou cabeça estranha, por favor, me conta qual é o segredo, pois isso é quase impossível!

Roma combina com:

  • Milão – Distância: 573 km
  • Florença – Distância: 274 km
  • Assis – Distância: 174 km
12
Big Ben, Londres, Inglaterra

Londres, Inglaterra

É claro que Londres não poderia ficar de fora desta lista de indicações de destino para a sua primeira viagem sozinha. A capital do Reino Unido é uma mega-cidade com milhões de coisas para fazer e, literalmente, opções para todos os gostos.

Conhecida por ser uma das cidades mais importantes e movimentadas do mundo, Londres tem uma vasta extensão de prédios históricos, catedrais, parques, centros comerciais, cafés, restaurantes, pubs, assim como uma gama enorme de museus (muitos gratuitos!), teatros, apresentações musicais e artistas de rua.

A fama de educados dos ingleses é realidade e isso ajuda bastante na hora de se virar sozinha como turista pelas ruas londrinas. É recorrente encontrar policiais dispostos a tirar dúvidas de turistas ou funcionários das estações de metrô prontos para te ajudar a comprar um ticket. Inclusive, quando o assunto é transporte, Londres dá de dez a zero em muitas cidades grandes por aí. O sistema de transporte público londrino é um dos melhores do mundo e se estende por trens, ônibus e metrô – mais conhecido como “The Tube”.

O único senão em relação a escolher Londres é a libra esterlina sempre em alta, o que torna conhecer Londres uma viagem bem cara. Mas posso dizer que vale cada centavo e você vai se apaixonar pela cidade.

Londres combina com:

  • Oxford – Distância: 93 km
  • Liverpool – Distância: 355 km
  • Paris – Distância: 463 km
13 O que fazer em Toronto CN Tower | Viajante Solo
CN Tower, Toronto, Canadá

Toronto, Canadá

Para finalizar esse artigo, separei uma outra cidade do Canadá que é um excelente destino para a sua primeira viagem internacional sozinha. Capital da província canadense de Ontário, Toronto é a cidade mais populosa do país e também é considerada uma das cidades mais seguras de todo o Canadá.

Diferente de Montreal, Toronto tem como idioma principal o inglês e fica bem próxima da fronteira com os Estados Unidos. Ela é conhecida por ser uma cidade moderna, organizada e com uma população abundantemente composta por imigrantes – o que torna Toronto em um local que acolhe pessoas de diferentes culturas e, consequentemente, os turistas.

Toronto possui diversos festivais culturais que acontecem por todo o ano e atrações turísticas que vão desde a CN Tower, famosa por estampar a skyline da cidade, até o maior complexo comercial subterrâneo do mundo, criado especificamente para burlar o frio rigoroso na região. Em termos de museus, a cidade está muito bem servida com o Museu Real de Ontario, Bata Shoe, Galeria de Arte de Ontario, entre outros. Se você for no verão, ainda pode conferir as praias canadenses de Toronto Islands, que na verdade são praias de lago, mas ainda são bem bonitinhas.

Toronto combina com:

  • Niagara Falls – Distância: 128 km
  • Niagara-on-the-Lake – Distância: 129 km
  • Buffalo, EUA – Distância: 159 km

Eu ainda poderia acrescentar mais vários outros destinos nessa listinha, pois acabo de voltar de viagem, mas vamos deixar para outro artigo, certo? Estas são apenas sugestões e cidades que conheci e gostei, mas o que importa mesmo é você escolher um destino que tenha a ver com você e seu estilo de viagem. Me conta nos comentários se gostou das sugestões.

DEIXE UM COMENTÁRIO! VOU ADORAR!

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.