HomePortugalEvoraViajar Sozinha para Évora: o essencial pra sua viagem

Viajar Sozinha para Évora: o essencial pra sua viagem

-

Viajar Sozinha para Évora pode ser uma experiência extremamente gratificante. Ao percorrer as ruelas estreitinhas, a cada passo você vai respirar história e se deliciar com as casinhas caiadas de branco, algumas com varandas de ferro e decoradas com lindos azulejos coloridos. 

Na Praça do Giraldo, coração da linda Évora, você conseguirá perceber direitinho de onde veio a influência arquitetônica, que encontramos no Centro Histórico de Salvador.

Não esqueça de contratar o seguro viagem, exigido para entrada na Europa. Faça a cotação nas melhores seguradoras e escolha o plano ideal para você e para o seu estilo de viagem!

Se você, como eu, gosta de ter momentos relaxados em meio às suas viagens, visitando pequenas cidades, conversando com as pessoas do lugar, Évora é um excelente destino e, com certeza, te surpreenderá. Preparei algumas dicas para ajudar você a organizar sua viagem para desfrutar ao máximo!

Mas antes das dicas para você viajar sozinha para Évora, deixo um vídeo de apresentação em um belo poema. Quem está recitando é o Francisco Banha, da Backcountry Tours, com quem fiz todos os passeios por lá.

Quando ir

Entre abril e junho é uma excelente época para viajar sozinha para Évora e para a Europa em geral. Você pegará temperaturas mais amenas, geralmente com dias de sol e mais frio à noite.

Fui em Maio e o clima estava uma delícia, apesar de ter pego um dia de chuva bem forte que atrapalhou um pouco o passeio. Veja a tabela climática de Évora, de acordo com Climate Data Org.

Viajar Sozinha para Evora Clima e Temperatura-min
Imagem: Climate Data Org

Quantos dias ficar

A maioria das pessoas que vai a Évora, acaba fazendo um bate e volta a partir de Lisboa, o que não há problema algum. Talvez o façam porque tenham pouco tempo, ou porque não saibam a grandiosa importância histórica da cidade e o quanto de coisas há para ver e testemunhar por lá.

Confira os planos e compre um chip com internet 4G ilimitada e ficar conectada durante toda a viagem

Minha sugestão é que você fique no mínimo dois dias, pois poderá explorar a cidade de Évora e ainda conhecer os arredores e apreciar a belíssima região do Alentejo.

Como chegar

Évora fica distante de Lisboa aproximadamente 134 km e você poderá chegar de carro alugado, trem ou ônibus. Uma viagem muito tranquila e rápida!

Trem

A viagem de trem até Évora dura mais ou menos 1h30. Para pegar o trem a partir de Lisboa, você deverá ir para a estação Oriente, Entrecampos, Sete Rios ou Pragal. Vai depender de onde você estiver hospedada.

Usei a estação Sete Rios – de onde também saem ônibus – e comprei meu ticket (12,40€ – Maio 2018) na CP Comboios pela internet, mas também é possível comprar na hora. Você pode verificar os horários antes no site e chegar com um pouquinho de antecedência para poder comprar o bilhete e se localizar dentro da estação.

Ônibus 

Você também pode ir e voltar de Évora de ônibus, usando a estação Sete Rios em Lisboa. Na volta, resolvi experimentar o ônibus e a empresa que faz o percurso é a Rede Expressos  (10,60€ volta – Maio 2018). A viagem durou mais ou menos 1h45.

Para pegar o ônibus em Évora, você deverá ir até o Terminal Rodoviário (Av. Tulio Espanca) que fica fora dos muros da cidade. Fui de táxi pagando 6€ (Maio 2018). O ticket você pode comprar na hora, pois há bastante horários, quase de hora em hora até às 21h.

Carro

O que todo mundo sempre fala e agora concordo é que alugar um carro é uma excelente maneira de descobrir Portugal, pois você pode fazer as paradas aonde bem entender. E há muitos lugares interessantes para uma paradinha rápida. Mas lembre-se que as pequenas cidades históricas, geralmente, não permitem a circulação de carros. Não esqueça de pesquisar os estacionamentos próximos.

Então, se você tem a sua Permissão Internacional para Dirigir poderá alugar um carro em Lisboa e em 1h15, aproximadamente, estará chegando em Évora. Saia de Lisboa pela Ponte 25 de Abril, autoestrada A2. Acompanhe as placas e em determinado momento pegará a autoestrada A6. É praticamente uma reta. Depois vai ter que entrar na estrada nacional N114 e em mais 12 km estará chegando na cidade.

Onde ficar em Évora viajando sozinha

Tenho duas sugestões de onde se hospedar em Évora: o The Noble House, onde me hospedei e o Évora Inn, local que iria ficar na minha viagem do ano passado, que acabou sendo cancelada.

The Noble House

Viajar Sozinha para Evora The Noble House

O The Noble está a 7 minutos de caminhada da Praça do Giraldo, coração da cidade, instalado em um belo casarão que foi a antiga Casa dos Condes de Lousã (XV/XVI). Com decoração moderna, suas instalações são impecáveis, quarto espaçoso e com aquela cama enorme que te abraça e não quer deixar mais você sair dela. O restaurante do hotel é muito bom e você pode jantar em um terraço super agradável com vista da cidade.

Confira as tarifas do The Noble House no período da sua viagem

Leia a minha experiência no The Noble House

Evora Inn

Viajar Sozinha para Evora Hotel Evora Inn
Foto gentilmente cedida pelo Évora Inn

O Évora Inn é uma guest house e fica exatamente na Praça do Giraldo, agito da cidade com vários bares e restaurantes a dois passos de caminhada. Instalado em um prédio histórico de 5 andares, onde foi proclamada a República em 1910, traz uma decoração moderna e quartos temáticos. Você contará com todo o suporte da Diana e Isidro durante a sua hospedagem.

Confira as tarifas do Évora Inn no período da sua viagem

Segurança

Pensa naquela cidade tranquila pra caminhar e se perder nas ruelinhas mágicas sem preocupação. Assim é Évora e fazia um certo tempo em que eu não tinha essa sensação maravilhosa de não ter que me preocupar com nada. Simplesmente vagar e me deixar levar. Muito bom isso, não?

Claro que devemos ficar atentas em qualquer lugar, mas em Évora tudo foi muito muito tranquilo. Depois, conversando com o chef João, do The Noble Hotel, ele me confirmou que a cidade é realmente muito tranquila e que não há problemas em relação a violência.

Também pode interessar

Inn Bairro Alto, hospedagem econômica em Lisboa

House Sitting: o que é e como funciona

Como visitar Évora

Minha dica mais preciosa sobre viajar sozinha para Évora é como visitá-la e desfrutar ao máximo tudo que ela tem a oferecer.

Você pode simplesmente caminhar e conhecer os locais, mas vai perder muito de toda a história envolvida nos espaços, as curiosidades e detalhes que só quem estudou sabe.

Viajar-Sozinha-para-Évora-Backcountry-Tours-João-Godinho
João Godinho e Denise Tonin em Monsaraz degustando o delicioso vinho Ervideira

E, por isso, fiz todos os meus passeios com a Backcountry Tours, à convite do João Godinho e Francisco Banha (assista ao vídeo no começo deste artigo).  Eles me acompanharam nas andanças em Évora e fomos em locais que nem são abertos ao grande público.

Também visitamos os arredores, como Monsaraz, Cromeleque dos Almendres, Vila Romana de Tourega e São Pedro do Curval. Garanto a você que sua experiência vai ficar muito mais rica e profunda, se fizer os passeios com eles.

Leia também

Viajar Sozinha para Lisboa: dicas práticas para a sua viagem

Onde se hospedar em Lisboa: 4 opções testadas e aprovadas

Villa Romana de Tourega, Alentej

Cromeleque dos Almendres, o maior círculo de menires da

O que visitar em Évora

Évora, como já disse, vai ter surpreender. Vou listar aqui os principais pontos de interesse da cidade, mas eles receberão detalhes e dicas em outros artigos específicos, pois aqui não caberia.

  • Igreja de São Francisco
  • Capela dos Ossos
  • Templo Romano
  • Sé Catedral
  • Igreja da Graça
  • Museu de Évora
  • Jardim Público
  • Palácio de Dom Manuel
  • Praça do Giraldo
  • Ruínas Fingidas
  • Fonte da Porta de Moura

Nos Arredores

Bom, espero que você tenha gostado das dicas para viajar sozinha para Évora. É uma cidade que te leva a uma volta ao passado. Será uma experiência realmente encantadora e aposto que você, como eu, vai querer voltar.

Denise Tonin fez todos os passeios à convite da Backcountry Tours, porém o texto é isento e reflete a minha experiência real durante a viagem.

Denise Tonin
Denise Tonin
Sou viajante solo por opção e paixão! Viajei muito mais do que escrevi por aqui, mas vale dizer que o que realmente importa não é a quantidade de países que visitei, mas o quanto consegui me conectar com cada lugar e com as pessoas que cruzei nas viagens. O mais importante ainda é o quanto consegui me conectar comigo mesma! Busque por conexão e se entregue e verá a mágica acontecer. Suas viagens, além de incríveis, serão transformadoras!

DEIXE UM COMENTÁRIO!

Please enter your comment!
Insira seu nome

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Success message!
Warning message!
Error message!