HomeViajar SozinhaDocumentosComo se comportar na imigração viajando sozinha

Como se comportar na imigração viajando sozinha

Veja como se comportar na imigração ao fazer uma viagem internacional. Te mostro como passar na imigração de forma tranquila para que você não tenha nenhum problema na entrevista de entrada no destino.

-

Um dos momentos mais temidos pelas pessoas nas viagens internacionais é passar no controle de passaportes! Existem muitas dúvidas e muitos mitos envolvidos quando se fala de imigração. Então, como Como se comportar na imigração? Como passar na imigração sem ter problemas? Ainda mais viajando sozinha! Posso falar que estou sozinha?

Estas são algumas das perguntas que recebo e que são o pesadelo de muitas pessoas na primeira viagem internacional. E eu te entendo.

Bate uma insegurança tremenda na hora de passar na imigração! Vai que você é barrada! Ou não entenda o que estão perguntando? Sinceramente, nunca passei por um episódio de stress na imigração. Já tive entrevistas mais longas e outras que nem olharam bem pra minha cara. Hoje já não me preocupo mais com isso.

Leia também

Como planejar a primeira viagem sozinha

Perguntas Frequentes na Imigração (com respostas)

É claro que em cada país existem regras e critérios diferentes, agentes de imigração com comportamentos distintos, mas, na maioria deles, o seu comportamento deverá ser o mesmo e as perguntas que te farão também.

A primeira coisa que você deve ter em mente pra ficar mais tranquila e confortável é que o serviço de controle de passaportes e imigração, não está buscando pessoas que apenas querem turistar no destino, que imagino ser o seu caso.

Eles buscam por pessoas que:

  • Traficam drogas, órgãos ou seres humanos;
  • São foragidas da polícia; ou
  • Querem se estabelecer no país de forma ilegal.

Então, o que acontecerá com você são procedimentos normais de inspeção, principalmente no que diz respeito a sua documentação. Vamos ver como passar na imigração de forma tranquila?

Recomendações pra se comportar na imigração

Tenha os documentos à mão

Tenha TODOS os documentos exigidos pelo país de destino organizados para serem prontamente entregues na imigração, quando solicitados. Nada de guardar a reserva de hotel num bolso, a passagem em outra bolsa. Seja organizada e tenha tudo à mão.

Já reservou hotel para sua viagem? Confira as melhores tarifas para sua estadia

Quando eu falo TODOS os documentos, estou dizendo todos mesmo! Lembre-se que este momento pode ser o começo do fim da sua viagem. Não adianta, por exemplo, você ter o visto e faltar alguma outra coisa que o agente exija na hora da sua entrevista.

Nenhum documento que você apresente garante a sua entrada no país. Quem decide isso é o agente de fronteira e se ele implicar que você não apresentou as informações necessárias ou – exagerando – ele não gostar da sua cor de cabelo, você não entra e fim. Não tem choro nem vela.

Você deve checar diretamente nos Consulados ou Embaixadas, quais os documentos exigidos para entrada no país de destino.

Os documentos básicos solicitados na maioria dos países são:

Acima coloquei uma lista de documentos básicos para uma viagem internacional. Lembre-se que cada país tem as suas regras de entrada e exigências de documentos e você precisa checar e confirmar cada documento exigido na época da sua viagem.

Você pode começar a sua pesquisa no Portal Consular do Min Relações Exteriores.

Evite conversar alto

Sei que você está super alegre e animada por ter chegado ao seu destino, depois de horas apertada no avião, mas não precisa falar e rir alto. Nós, brasileiros somos assim mesmo, mais animados. Apenas evite, nesse momento, colocar em evidência nosso jeito super alegre e descontraído.

Evite usar o celular e tirar fotos da sala

Geralmente, usar o celular nessa área – falar e alto – não é permitido. Tirar fotos do e, principalmente, se aparecer os agentes também não está autorizado. Atente a sinalização ao entrar na sala.

Boa apresentação sempre ajuda

Espero, sinceramente, que você tenha dado uma ajeitadinha na sua cara amassada depois de horas de voo! kkkk Uma boa apresentação é sempre um ponto positivo em qualquer situação.

Não estou dizendo para você se vestir formalmente, apenas que esteja apresentável e suficientemente acordada pra responder todas as perguntas, se é que elas vão acontecer.

Medo de viajar sozinha: quais os mais comuns e como lidar com eles

Mitos (rebatidos) sobre viajar sozinha 

Mantenha a calma

É muito importante que você mantenha a calma e a fila é um ótimo local para você se concentrar e respirar fundo. De nada adianta ficar nervosa e as pessoas sentem quando estamos, principalmente as que foram treinadas pra isso.

Se você está entrando no país de forma legal, possui todos os documentos e requisitos exigidos, não há motivo para ter medo.

Se estiver muito nervosa, respire profundamente no decorrer da fila, pois isso vai te acalmar. E não esqueça de aguardar atrás da faixa amarela até ser chamada pelo agente da imigração.

Seja cordial e comece a conversa com bom dia

Um das coisas importantes na hora de se comportar na imigração é a educação! Comece a conversa com Bom dia / Boa tarde / Boa noite e, de cara, já pode apresentar seu passaporte (ou RG nos países do Mercosul) aberto na página da foto ou do visto para facilitar o agente.

Junto com o passaporte, entregue também o formulário de imigração, se for o caso, que você preencheu no avião e aguarde o agente falar com você.

Não esqueça de contratar o seguro viagem para sua viagem solo. Faça uma cotação nas melhores seguradoras e escolha o plano ideal para você e para o seu estilo de viagem.

Não puxe assunto ou faça brincadeiras

Não puxe assunto e nem tente ser super simpática, não vai ajudar em nada. O agente vai fazer as perguntas de praxe: qual o motivo da sua viagem, se é sua primeira vez por lá, quanto tempo ficará, onde irá se hospedar e quanto dinheiro está levando.

Podem também perguntar – mas pra mim foram poucas vezes -, se você está viajando sozinha. Eu sempre respondi que sim e nunca tive qualquer problema quanto a isso. E está relacionada a minha próxima dica.

Jamais minta na imigração

Jamais minta! Tudo que disser poderá ser conferido por meio da solicitação de documentos ou até mesmo no Google (sim, eles tem internet). Pode acreditar, eles sabem mais do que você acha e eu não arrisco mentir e me contradizer no final.

Lembre-se que agentes de imigração são profissionais altamente treinados e podem sacar na hora se as informações que você está dando são corretas ou contém incorreções. Fora que seu corpo demonstra claramente quando há algo errado, pode apostar!

Então, seja honesta, pois é muito mais fácil manter uma verdade do que informações inventadas por conveniência.

Responda de forma objetiva

Uma recomendação para se comportar na imigração é responder as perguntas de forma objetiva e firme, sem muitos detalhes. Quanto mais detalhes você der, mais perguntas surgirão pra validar todos estes detalhes.

Exemplo:

Imigração: É sua primeira vez em Nova Iorque?

Você: Sim.

Alguns agentes podem repetir as perguntas e podem estar com a cara fechada, de poucos amigos. Isso é normal e não tem nada a ver com você ou se vão te barrar.

Não adianta se preocupar ou se irritar com os agentes pela maneira que te tratam. Muito menos reclame ou faça cara feia. Responda quantas vezes for perguntada e de forma tranquila. Mantenha a cara de paisagem, mesmo estando bastante irritada! hahaha

Anotações com respostas em inglês

Se você não fala inglês e nem um pouquinho do idioma local, poderá escrever em uma folha todas as informações das perguntas frequentes na imigração e pedir pra alguém passar para o inglês. Isso será um apoio na hora de passar na imigração e fazer a entrevista com o agente de fronteira.

Solicite um tradutor

Caso você realmente não entenda nada do que está sendo perguntado, poderá solicitar um tradutor. Sei que nos Estados Unidos e Reino Unido isso é possível. Às vezes, o próprio oficial que está te entrevistando fala espanhol.

Como passar na imigração

Passadas as perguntinhas e se tudo deu certo – e tenho certeza que dará -, você receberá um lindo carimbo no seu passaporte e estará pronta para pegar a mala e curtir ao máximo sua viagem solo!

Estas foram as minhas dicas de como se comportar na imigração, baseadas em muitas experiências viajando por este mundão. Até hoje não passei por nenhum perrengue fazendo desta forma.

Se você tem alguma outra dica ou alguma experiência para compartilhar, deixe nos comentários. Assim, ajudamos outras viajantes!

Denise Tonin
Denise Tonin
Sou viajante solo por opção e paixão! Viajei muito mais do que escrevi por aqui, mas vale dizer que o que realmente importa não é a quantidade de países que visitei, mas o quanto consegui me conectar com cada lugar e com as pessoas que cruzei nas viagens. O mais importante ainda é o quanto consegui me conectar comigo mesma! Busque por conexão e se entregue e verá a mágica acontecer. Suas viagens, além de incríveis, serão transformadoras!

82 COMENTÁRIOS

  1. Olá estou viajando pra Latvia sozinha pra comemorar meu aniversário, estou levando dinheiro em espécie, documentos como passaporte, seguro viajem, reserva de hotel, passagens ida e volta, mas como minha entrada em Londres não foi permitida tenho medo de quando chegar na imigração de Istambul a onde é minha conexão e no meu destino final que é latvia a imigração querer me barrar devido a esse episódio em londres

    • Olá Viviane, tudo bem ? Você está com a documentação certa e não tem como saber o que irá acontecer. Londres alegou alguma razão pra você não entrar? Se alegou, veja onde foi o “problema” e se há algo que você possa fazer. No mais, é segurar a ansiedade e seguir em frente. Vai dar tudo certo! beijos

  2. Olá tudo bem? Estou indo para Londres eu e meus 3 filhos passar 19 dias, estou levando passarporte ,no passarporte mesmo consta que meus filhos pode viajar sozinhos ou com apenas um
    Dos pais, levando carta convite, passagem de ida e volta dinheiro em espécies e um
    Pouco no cartão por questão de segurança, tem alguma chance de dar errado.

    • Olá Jessica, tudo bem ? Me parece estar tudo super em ordem e não vejo porque ter algum problema. Mas chance sempre tem porque o oficial de fronteira é soberano nas suas decisões. Não tem porquê você sofrer por antecedência. Mantenha se calma e lembre-se que você está indo passear e que tá tudo certo. Não tem porquê temer! Boa viagem! Aproveite Londres por mim! beijão

  3. Oii!! Eu estou embarcando 28/06 para EUA, vou a Las Vegas e a Los Angeles, mas eu faço imigração em Dallas, vou ficar 15 dias, eu tenho 33 anos e essa é a minha primeira viagem internacional, estou morrendo de medo da imigração, tenho medo de dizer que estou viajando sozinha (o que é verdade) e eles acharem que eu vá ficar por lá. Você acha que devo me preocupar tanto assim?

  4. Oi Denise! Obrigada por compartilhar essas dicas! Vou fazer a minha primeira viagem para a Europa esse ano e estou nervosa por conta da imigração. Meu namorado mora em Portugal e vou visitá-lo, sem intenção de residir, só passear mesmo. Sou servidora pública concursada e pretendo levar documentos que comprovem as férias e o vínculo. Meu receio é, seguindo a dica de nunca mentir, se perguntarem se conheço alguém e responder que tenho um namorado lá, com visto provisório, se podem me barrar…

  5. Olá , tudo bem ? Estou querendo comprar uma passagem para ir a Miami no dia 23/02/2023. Pretendo viajar sozinho mas tirei o meu visto com a família da minha namorada e ela está nos Estados Unidos em Dallas a 3 meses. Gostaria de saber se mesmo eu reservando e pagando um Airbnb, com passagem de volta , dinheiro suficiente para me sustentar , indo para uma cidade diferente e mesmo se questionado mostrar que não possuo mais vínculos com ela, se mesmo assim possui risco deles me mandarem de volta, tenho 22 anos e sou estudante de uma universidade federal , estou em minhas férias e tenho todos os documentos para comprovar . Desde já , agradeço

    • André, tudo bem ? Não sei como funciona o visto familiar, então, fica difícil responder. Entendo que é apenas a solicitação do visto em conjunto, mas que não é obrigatória a viagem em conjunto. Minha recomendação é que você se informe no consulado americano pra entender todas as regras do visto familiar. Se não houver a obrigatoriedade de viajar em conjunto, tenha em mãos toda a documentação exigida. Não acredito que você tenha qualquer problema. bjos

  6. Olá, tudo bem? Estou viajando a turismo para Londres, ficarei sete dias apenas, Hostel seria um bom investimento? A imigração observa muito isso?

    • Olá Deborah, tudo bem? Londres é uma cidade com preços elevados, então, talvez seja um bom investimento. Não tenho como te responder com certeza, porque não sei qual hostel vc escolheu, onde ele fica, quanto custa e qual é o seu orçamento de viagem. A imigração está mais interessada em saber se você realmente veio a turismo e não vai ficar ilegalmente no país. Por isso, ela pode te perguntar o que vc pretende conhecer em Londres, como fizeram comigo. Com certeza vão querer ver a tua passagem de volta tbm. Olham se vc pode ser terrorista, traficante de drogas, estas coisas. Onde vc vai se hospedar, não acho que seja tão importante, mas a gente nunca sabe, né? bjos e boa viagem

  7. Oi Denise como vai TD bem? Amei as dicas. Sou de SP e vou entrar com o processo para tirar meu visto pois pretendo viajar pra NY c uma amiga. Mas meu marido não vai e nem possui visto. Ele pretende viajar os 7 dias que estaremos em NY para o Sul, visitar a mãe dele. Isso pode ser um impedimento na hora de solicitar o meu visto?

  8. Olá Denise, tudo bem? Estou indo para Portugal a turismo por 13 dias sozinha e ganhei a viagem dos meus pais. No meu passaporte eu coloquei estudante porque eu não trabalho. Mas, eu tive um problema na minha matricula e estou sem estudar também esse ano, então no caso eu não teria como provar nada. Isso pode me prejudicar ou acabar sendo deportada?

    • Olá Mila, tudo bem ? Basta levar a documentação solicitada e quem sabe comprovar outros vínculos no Brasil. Também poderá tentar comprovar que a viagem foi custeada pelos teus pais como presente 😉 Importante provar que tem dinheiro para custear a sua estadia, passagem de ida e volta e reserva de hospedagem e seguro viagem. Às vezes, eles nem pedem pra ver nada. A deportação ocorre somente quando vc já entrou no país e está vivendo de forma irregular. O que poderia acontecer com você é ser barrada / inadmitida no Espaço Schengen. Mas, sinceramente, acho pouco provável se você apresentar a documentação correta. Boa viagem! bjos

  9. Olá, tudo bem?
    Tirei o visto junto a minha mulher (união estável), e toda a DS-160 foi preenchida com base numa viagem a dois. Minha dúvida é, se um de nós quiser ir sozinho teremos problemas no desembarque, principalmente eu que sou homem? E quanto ao local, posso descer em outro estado diferente do que preenchi na DS 160?
    Descer sozinho e não conhecer ninguém no país é estanho não?

    • Paulo, tudo bem? Não posso responder com certeza, então, seria melhor você checar junto ao consulado americano. Na minha opinião, não há qualquer problema em não ser uma viagem a dois com os dados preenchidos no formulário. Até porque o visto concedido não está atrelado a apenas uma viagem, mas sim a um prazo de X anos. Pelo menos, o meu visto foi concedido desta maneira. Mas isso é só uma opinião. Pra casos específicos, consulte os órgãos oficias do país e as representações consulares. Descer sozinha em um país é muito normal pra mim. Já faço isso há mais de 20 anos! hahaha Boa Viagem! Abs

  10. Olá, Denise! Boa tarde! Fui pra Orlando em Maio deste ano com meu filho e marido. Porém, ganhei de presente outra viagem pra lá. Agora em setembro. Só que dessa vez irei só. Acha que eles podem implicar por ter pouco tempo que eu fui? Ou por estar indo sem minha família? Outra pergunta estou levando somente cartão deb/créd vou fazer o câmbio lá nos EUA o que falar na imigração caso eles perguntem quanto de dinheiro estou levando?

    • Taynan, tudo bem ? Não acho que eles tenham motivo pra implicar, se você estiver com a documentação correta. Eu, por exemplo, nunca tive problema em imigração por estar sozinha e já viajei um bocado. Vamos ser práticas: o que a imigração vai pensar ou fazer, não está no seu controle e nem tem como saber antes de chegar. Então, foque no que está em suas mãos: organizar a documentação exigida pra entrar no país. Sobre quanto de dinheiro vc está levando, responda o que me contou. Se precisar comprovar a quantidade, o limite do cartão ou extrato do mesmo podem ser comprovantes. Fica tranquila, que vai dar tudo certo! Boa viagem! beijos

  11. Oi, Denise bom dia!

    Estou embarcando para Italia, com escala em Portugal, estou com tudo ok em relação à documentação, vou ficar na casa de um amigo. Enfim, tudo isso.. única coisa é o que no momento não estou trabalhando no Brasil, sai da empresa tem 3 meses…estou com medo caso eles me peçam vinculo, mas creio que com todo o restante ok não terei problema, né?!

    • Oi Fernanda, tudo bem? Puxa, não tenho como dizer… A imigração é uma caixinha de surpresas. Vc pode passar e eles não te pedirem absolutamente nada ou te pedirem / perguntarem muitas coisas. O importante é que você tenha todos os documentos em ordem e, como sempre recomendo, fale a verdade. Se você não está indo pra ficar e tem todos os documentos, não vejo porque se preocupar. O que eles “não querem” são imigrantes ilegais. Turistas são sempre bem-vindos! Boa viagem! bjos

  12. Oi Denise, tirei meu visto familiar em maio com minha filha pra Disney, porém não deu tempo de fechar a excursão e ela vai somem janeiro. Porém, resolvi ir para Nova York sozinha agora em agosto.
    Vou ficar em hotel e não falo inglês, mas me disseram que é tranquilo a comunicação. Será que a imigração vai implicar comigo?

    • Oi Cláudia, tudo bem ? Fica tranquila, não vão implicar, não. Pra vc se sentir mais confortável, leve documentos que comprovem seu vínculo com o Brasil, caso isso aconteça. Na minha chegada em NY com minha irmã nem olharam pra nossa cara. Não perguntaram nada. Penso que se eles desconfiam de ti, nem o visto te dão! Sobre a comunicação, Google Tradutor e tá feito o negócio! Boa viagem! beijos

  13. Oi Denise, tudo bem?
    Estou embarcando pra Flórida visitar meu namorado, ele é brasileiro mas é cidadão americano já, mora lá tem mais de 10 anos. Vou passar 2 meses e tenho receio de dizer que vou visita-lo e acharem que vou querer ficar lá.
    Vou usar 1 mes de férias e 1 mês de homeoffice. Será que terei problemas se disser qye vou ve-lo. Precisa de carta convite? Obrigada 🙂

    • Livia, tudo bem ? Pra saber se precisa ou não de carta convite, o melhor é sempre olhar nos sites oficiais pra saber direitinho qual a documentação exigida pra entrada, além do visto. Se você não tem hotel / apto reservado, a carta convite pode ser uma alternativa para comprovar onde será a sua estadia na permanência no país. Eles podem ou não perguntar e/ou pedir comprovação. Pra mim, nunca pediram, por exemplo. Brasileiros podem permanecer legalmente nos EUA até 6 meses, certo? E, se você não pretende ficar por lá e está com toda a documentação em ordem, não vejo porquê inventar outra situação. Entendo seu receio e tem fundamento, mas eu nunca recomendo ocultar informações na imigração. Sempre é uma decisão muito pessoal. Beijos

  14. Oii Denise!! Tudo bem?? Minha dúvida é sobre a hospedagem. Fiz uma reserva pelo Booking a ser paga no hotel, porém na confirmação da reserva não consta meu nome apenas as informações do hotel, pagamento, datas, número de confirmação e código confidencial. Terei problemas na imigração por conta disso?

    • Mariah, tudo bem ? Já tentou fazer a reserva logada no seu perfil do Booking? Nas minhas reservas aparece meu nome 😉 Quanto a ter ou não problemas na imigração, não tenho como saber, porque sempre depende do oficial de fronteira que você pegar. Uns são mais exigentes que outros, então, o melhor é estar com seu nome na reserva. Se não, ela poderia ser a reserva de qualquer pessoa, não? beijos

  15. Tudo bem, Denise? Estou indo fazer um tour na Europa e vou desembarcar em Amsterdã. Irei a Bruxelas, Aachen, Paris e Londres. É possível marcar minha passagem de retorno para o Brasil para partir de Londres? Obrigado!

    • Olá Carlos, tudo bem ? Sim, vc pode chegar por Amsterdam e voltar por Londres. Lembre-se que fará imigração em Amsterdam e depois, novamente, pra entrar em Londres, já que Inglaterra não faz parte do Espaço Schengen. Abs e boa viagem

  16. Olá Denise, tudo bem?
    Estou adorando suas dicas e experiências.
    Estou muito aflita, vou fazer minha primeira viagem internacional, já organizei os documentos, passagens e seguro viagem.
    Estava organizando tudo quando me deparei com um erro no sobrenome do meu pai.
    No meu passaporte está correto mas nós demais documentos está faltando uma letra, a dúvida é.
    Vou ter problemas para sair do Brasil ou na imigração?
    Desde já agradeço.

    • Maydilane, tudo bem? O importante é que seu passaporte e a sua passagem aérea estejam com seu nime correto e com as mesmas informações. Não sei de que outros documentos você fala. Mas acho que vc nao tera problemas . Bjos

  17. Olá Denise bom dia. Estou indo em agosto com meu filho de 11 anos visitar minha mãe que mora lá há muitos anos. Comprei passagem para 90 dias. Tenho a carta convite da minha mãe. Minha dúvida mesmo com a carta convite eu preciso levar a quantia em valor que eles pedem? E estou desempregada no momento como farei para comprovar meu vínculo com trabalho no Brasil? Corre algum risco de barrar eu e meu filho? Obrigada

    • Olá Ana Paula, tudo bem ? Na carta convite a sua mãe pode informar que será a responsável pelas suas despesas durante a sua permanência por lá (vc não disse onde é). A carta convite não é um documento oficial nos EUA, por exemplo, mas ela ajuda a informar ao oficial da imigração o local onde você ficará hospedada. Recomendo que, além da sua mãe mencionar na carta que será responsável pelas suas despesas, você leve alguma quantia com você, caso a imigração peça para ver. Vínculo com o Brasil não é só contra cheque. Pense em outras coisas que podem mostrar que você não está indo para morar. Sobre risco de ser barrada, todas as pessoas correm em todas as fronteiras, já que a imigração é soberana na decisão de deixar entrar ou barrar. Se ela achar que tem algo de errado na sua viagem, pode barrar. Vá confiante, leve todos os documentos solicitados e só responda o que for perguntado. Vai dar tudo certo 🙂

  18. Olá Denise, uma pergunta.
    Minha entiada irá viajar à Portugal sozinha, ela tem 14 anos e ficará na casa da minha cunhada que mora em Lisboa, a minha pergunta é;
    Ela é obrigada a levar dinheiro para comprovar na imigração????

    • Olá Michael, tudo bem ? Para comprovação, eu pediria a tia (anfitriã) uma carta convite (https://viajantesolo.com.br/documentos/carta-convite-para-viagem), onde ela dissesse que será a responsável por custear a estadia da menina. Mas isso é a minha opinião pessoal e não oficial. Portanto, como é um caso bastante específico, o melhor é você pedir / procurar orientação no site da Embaixada ou Consulado Português no Brasil (http://www.embaixadadeportugal.org.br/assuconsul/faq-visto.php) Abs Denise

      • Denise, vou fazer uma pergunta. Vamos a Lisboa agora no final de março. Nosso passaporte está válido. De Lisboa, vamos a Miami. Temos visto para entrada nos E.U.A até 2025. Tem algum problema estar saindo de Lisboa e não do Brasil para entrar em Miami.

          • Preciso apresentar comprovante de reserva de hospedagem na imigração pro total de dias que pretendo ficar?
            Caso preciso trocar de hotel por não gostar das acomodações terei problema?
            Por que já aconteceu de eu fazer reserva e quando eu chegar o hotel nao corresponder com as expectativas.

          • Olá Rosenilce, tudo bem ? Sim, em geral a imigração quer saber onde você ficará hospedada pelo período todo da viagem. Você pode apresentar reservas que ofereçam cancelamento gratuito, como as feitas pelo site Booking , por exemplo. Você tbm pode entrar no site do consulado do destino e ver exatamente o que é exigido na relação de documentos, pois as exigências podem variar de país para país. Abs

  19. olá Denise tudo bem? obrigada pelas dicas, daqui 15 dias eu e uma amiga vamos viajar para Portugal sou professora e pretendo conhecer um pouco da cultura que eu estudei, vou levar uma amiga e temos carta convite de um amigo que mora la, terá algum problema apresentarmos duas cartas convites com o mesmo anfitrião, ou seria melhor levar com anfitriões diferentes e dizer que estamos viajando sozinha? Outra dúvida faço uso de uma medicação diária para os rins, irei levar a carta do medico atestando que a medicação é de meu uso diário e pessoal será que passarei por algum problema, quanto a esses motivos?
    Abreijos

    • Olá Elaine, tudo bem ? A verdade, na minha opinião é sempre a melhor opção na imigração. Quanto a medicação não vejo porque ter problemas, está levando a documentação certa. Uma ótima viagem e aproveite cada minuto. Portugal é maravilhoso! bjos

  20. Bom dia Denise tudo bem!? Acabei de tirar o visto, e nos formulários informei que iria viajar com amigas. Porem teremos que adiar pro ano que vem. E eu irei sozinha mesmo. Posso ter problemas por isso? E Como posso responder na imigração o por que estou viajando sozinha (caso seja perguntado) de forma objetiva?

    • Olá Jackeline, tudo bem? Não vejo nenhum problema na mudança de planos e não acredito que isso possa te trazer algum problema. Quanto ao que responder pelo fato de estar viajando sozinha, pode ser exatamente a verdade, que vc mesma descreveu em sua pergunta boa viagem

  21. Olá Denise,
    adorei as dicas!
    Viajo para NY em novembro, vou sozinha porém namoro um americano que vai estar me esperando no aeroporto. Ele já veio ao Brasil me visitar várias vezes, mas essa será minha primeira vez em NY e ficarei apenas uma semana.
    Não vou ficar na casa dele, ficaremos juntos em um quarto do Airbnb, mas estou receosa de citar que tenho um “amigo” lá, já que não mencionei isto no meu DS 160 nem na entrevista do consulado.
    Sempre vejo pessoas falando que não devemos mentir, mas se eu falar que namoro um americano e estou indo visita-lo, as chances de não conseguir seriam muito grandes. Acha que devo falar sobre ele ou apenas dizer que estou sozinha e correr o risco de encrencarem com isso?
    Aguardo sua resposta, bjos!

    • Olá Ana, tudo bem? Conhecer alguém nos EUA , não é impedimento para entrar no país. Eles implicam com quem desconfiam que está indo morar ilegalmente. Daí observam o tamanho da mala x tempo de permanência, quantidade de dinheiro, etc. Também existe uma diferença entre omitir e mentir. Primeiro vc precisa escutar o que ele vai perguntar. E sempre digo que as respostas devem ser curtas e objetivas. Leve documentação que comprove seus laços no Brasil e fique tranquila. beijos e boa viagem

  22. Oi. Bom dia Denise
    Estou com receio, meu esposo viajou para os EUA e eu estou indo depois devido as minhas férias, e é a minha primeira vez viajando sozinha, será que devo me preocupar pelo fato dele ja estar lá?

    • Olá Cassia, tuddo bem? Não entendi a sua dúvida. Seu marido foi para morar? Vc está indo para morar? Vc está com a documentacao exigida para entrada no pais? Se tem a documentação em ordem, não vejo porque se preocupar. Já fui aos EUA 3 vezes sozinha e nunca tive nenhum problema. bjos

  23. Oi Denise, adorei seu post e gostaria de retirar algumas duvidas se possivel!
    Dentro do avião eles dão um formulário para preencher, e como pretendo viajar para EUA sozinha e nao sei falar absolutamente NADA em inglês, me responde algumas perguntas rsrs:

    1) Esse formulário é inglês ? Se sim, sabe me dizer se temos auxílios das aeromoças falando em português ?
    2) Quando somos chamados na fila de imigração, o agente falará em inglês desde principio, e como vou solicitar um tradutor se nao vou entender nada do que ele falar ?
    3) Quanto ao cartão de credito, eles pedem para olhar limite ?

    Desde já agradeço, é de grande valia essas pessoas que compartilham suas experiencias.. Parabéns pela atitude de ajudar as pessoas !
    Abraço

    • Olá Jessica, tudo bem? Vamos lá 1. com certeza estará em inglês e não me lembro se tbm em espanhol. A aeromoça pode te ajudar, mas depende da boa vontade, pois não é uma obrigação. Procure no Google o formulário que vc deve encontrar e assim pode ver o que pedem. É simples. 2. Sim, ele falará inglês, talvez espanhol, se perceber que você não está entendendo nada. Faça um esforço e aprenda algumas palavras, até mesmo para dizer que não fala inglês. 3. Geralmente, eles perguntam quanto vc está levando para se manter pelo período da viagem. Nunca me pediram limite de cartão de crédito. Vai dar tudo certo. Boa viagem. bjos

  24. Oie Denise tudo bem ? Me ajudaaaa… vou para Miami semana que vem sozinha e não falo muito bem o inglês. Sendo que vou ficar na casa de uma amiga que mora lá. Só que as pessoas estão dizendo que é melhor não falar que vou ficar na casa de uma amiga. Vc acha válido fazer reserva em um hotel? Sendo que só fazer reserva de uma noite e apresentar essa reserva? Pq não estou achando hotel com cancelamento grátis. Me da um luzzz rs

    • Olá Elise, tudo bem? Se vc não fala bem inglês pode pedir um tradutor. A imigração pode perguntar onde vc ficará hospedada e dai ou vc apresenta uma comprovação de reserva de hotel ou a outra alternativa é uma carta convite (tem post aqui no blog), que não é um documento oficial, mas que ajuda pra quem não tem reserva em hotel. bjos

  25. Oi Denise! Apesar de já ter o visto americano desde 2013, nunca viajei para lá.
    Vou viajar sozinha e o visto está no primeiro passaporte que tive, que validade de 5 anos, enquanto o visto tem validade de 10. Então,vou viajar com dois passaportes. Isso pode me atrapalhar?
    Me dei de presente uma viagem para conhecer a Disney (Hahahaha).

    Se você puder me responder, ficarei super feliz!

    Um super beijo.

    • Oi Fernanda, tudo bem ? Que presente maravilhoso! Nenhum problema em viajar com os dois passaportes. O importante é ter o visto válido! De qualquer forma, sempre recomendo olhar no site do consulado para ver se existe alguma recomendação em relação a isso 😉 Boa viagem! beijos

  26. Denise, parabens pelo site! Excelentes informações! Será que consegue me dar uma luz em umas dúvidas?

    Estamos indo eu e meu namorado à Europa em alguns meses. Conexão em Istambul por 22h. Depois de lá para Amsterdã- Paris – Londres e retorno de Londres ao Brasil. 20 dias no total.

    Temos seguro saúde, carta convite pra Londres, reservas no booking para Amsterdã e Paris.

    Dúvidas e receios da imigração.

    1 – As reservas no booking serão pagas no próprio hostel. Pode ser um problema?

    2 – Viajaremos com uma média de 600€ + 600£ em espécie. O cartão de crédito eu sou titular, com bom limite mas meu namorado é meu adicional. Isso seria um problema para ele comprovar renda?

    Valeu por enquanto! Abração

    • Oi Halan, tudo bem? Obrigada! Nenhum problema em relacao a pagar no hostel. Na verdade, eles querem saber se vc tem e onde vai se hospedar e nem sempre perguntam. A imigração que faz mais perguntas é em Londres mesmo, mas pra mim foi bem tranquilo também. Sobre o cartão de crédito tbm nao vejo nenhum problema. Acho que esta tudo Ok. Uma otima viagem! Curta muito! beijos

  27. Oi querida…Adorei o post…
    Ano passado fui aos EUA sozinha…Estava bem documentada com tudo o que poderiam me solicitar. Cheguei em Miami no primeiro vôo…às 5 da manhã e fui a 4 ou 5 da fila a ser atendida pelo agente de imigração. A agente fez as perguntas de sempre, mas quando perguntou com quem eu estava viajando e eu disse SOZINHA…ela encrencou. Me perguntou umas 4 vezes por que eu estava viajando sozinha. Tive que falar…sou solteira e não tenho filhos. Vou visitar uma amiga (apresentei a carta-convite) e então ela foi conferir tudo. No final deu tudo certo….Mas que ela queria encrencar…queria!!!

    • Tânia, tudo bem? Obrigada por compartilhar a sua experiência. Muito bom saber. Eu ainda não tive – ainda bem – nenhuma situação como essa e ficaria bastante irritada com isso. Infelizmente, isso ainda acontece, mas seguimos, né? um dia chegaremos lá! um beijo e obrigafa

    • Aconteceu isso cmgo! Mas a minha ex esposa estava nos estados unidos ilegalmente pq ja tinha passado o tempo de permanência dela no país! Fui barrado por isso e tomei uma pena de 5 anos e voltei no primeiro vooo para o Brasil, fui tratado como bandido! Péssima experiência

  28. Olá boa tarde, adorei as dicas..
    Esse ano faço minha primeira viajem internacional com meu filho de 3 anos para Portugal, a autorização para viajar com um dos genitores está impressa no passaporte dele. Meu esposo não estará conosco, acha que terei problemas na imigração por estar sozinha com meu filho?
    Temos todos os documentos, passaporte, autorização, carta convite, PB4, passagem ida e volta, emails que troquei com uma faculdade de Portugal em que tratamos de uma visita para eu conhecer o Campus pessoalmente, e ainda posso levar meu atestado de matrícula da faculdade aqui do Brasil para comprovar vínculo.

  29. Olá Denise… Amei suas dicas.
    Então, pretendo ir a Portugal visitar minha mãe que mora legalmente lá a alguns anos, no entanto eu vi no site do consulado que entres os documentos que pedem é preciso apresentar vinculo laboral aqui no Brasil, porém sou autônoma e tenho receio que possam me barrar por isso, afinal as passagens não são baratas rsrs. Eu já viajei para o Chile no ano passado e passei por essa experiência da imigração, mas soube que em Portugal é mais complicado principalmente para uma mulher viajando sozinha. Como devo proceder nesse caso, seria muito arriscado ir sem esse comprovante.

    • Karina, Tudo bem? Estou em Portugal neste momento e não tive qualquer pergunta na imigração. Sobre a documentação, se vc não tem a pro labore leve outros documentos que comprovem seu vínculo com o Brasil ou informe-se no consulado qual o documento poderia substituir. Beijos

  30. Oi Denise…vou fazer minha primeira viagem e sozinha para Grécia daqui a dois meses …eu tinha CNPJ como autônoma..so q como nao consegui pagar o DAS e fechei o salao …agora do atendendo a domicílio…isso pode me atrapalhar na questao de documentos exigidos ….vou a passeio e ficar na casa de um amigo ….ainda q ele faça a carta q vou ficar hospedada em sua residência eu ainda precido ter dinheiro na minha conta p provar a eles tambem …ou somente vale o comprovante de quem vai me receber com a carta ?

    • Cynthia, Tudo bem? O mais importante para a imigração é você comprovar ida e volta, local onde vai ficar e financeiramente que voce poderá se sustentar durante a sua estadia. As vezes eles nem pedem para ver quanto dinheiro vc tem. Tbm não vão pedir nada da sua conta bancária. A carta convite ajuda, apesar de não ser um documento oficial em alguns países. Veja no consulado da Grécia a documebtacao necessária e vá tranquila. bjos

    • Olá Ondina, tudo bem ? Como está escrito no post, recomendo uma pesquisa junto aos Consulados para saber quais são os documentos exigidos para entrada no país que você vai visitar. Informei tbm quais são os documentos normalmente solicitados. A carta convite é uma possibilidade – e não há garantia de aceite – para comprovação de hospedagem, quando ficamos na casa das pessoas. A decisão de levar ou não é pessoal. Te desejo uma ótima viagem! beijos

  31. Oi Denise, boa noite!
    Eu viajo sozinha em maio para Nova Iorque, mas lá encontrarei dois amigos. Não tenho a reserva do hotel porque eles que reservaram e ficou com o nome de um deles na reserva. De NY vamos para Orlando e lá ficarei na casa deles (depois vamos a Miami e retorno ao RJ). Não falo inglês, não tenho reservas de hotéis (somente a reserva dos dias em Miami que estão no meu nome) e estou com medo de dizer que vou encontrar com meus amigos e o agente da imigração não gostar. O que posso fazer para não ter problemas na imigração? Meus docs estão OK, fiz o seguro e tenho as passagens de ida e volta.

    • Oi Ravine, tudo bem ? Primeiro de tudo: responda apenas o que for perguntado, não tem necessidade de dar todo o seu roteiro, a não ser que eles perguntem. Ao chegar no guichê entregue passaporte e passagem e aguarde as perguntas. Como você não fala inglês, procure pelo menos aprender palavras básicas para responder as perguntas frequentes (tem um post sobre isso) e, se tiver muita dificuldade, solicite um tradutor. Sobre os documentos, você pode levar a cópia da reserva que está em nome do seu amigo e, caso seja perguntada, explicar que outra pessoa fez a sua reserva. Ponto. Não precisa dizer mais nada, apenas se ele perguntar o porquê. Entende? É sim e não, respostas curtas. Seus amigos são americanos ou brasileiros em situação legal nos EUA? Se sim, pode pedir a eles uma carta convite (tem modelo no blog). Esta carta não é um papel oficial, mas estará em inglês e mostra que vc tem hospedagem nesse período. É melhor do que não ter nada. A principal dica que te dou é: responda com calma e tranquilidade. Você não está devendo nada pra ninguém, está apenas fazendo turismo em outro país. A imigração é soberana e decide o que quiser, mas ter uma postura tranquila e ser confiante nas respostas, ajuda muito 😉 Vai dar tudo certo! Beijos

  32. Boa tarde Denise, tudo bem?!
    Adorei a matéria! Mas estou com uma dúvida, viajo esse mês para o Havai, dessa vez sozinha, minha prima mora lá há 14 anos e será a formatura dela, sou a única da família com disponibilidade de ir essa época do ano. Estou com receio de passar pela imigração, não sei o que dizer ao certo, se vou de férias e ficarei num hotel, ou se digo que ela mora lá e ficarei hospedada na casa dela. Das outras vezes que viajei foi em família, mais fácil pra passar na imigração, mas agora sozinha estou com receio, e essa viagem é de extrema importância pra ela já que lá ela não tem familiares. Se puder me ajudar eu agradeço! Abraços

    • Oi Maria, tudo bem ? Minha recomendação é sempre a verdade. Leve toda a documentação exigida e pode acrescentar uma carta convite da sua prima, se for ficar hospedada com ela e tbm levar o convite da formatura. Apesar dos EUA não entender a carta como documento oficial, mostra onde ficará. No mais é manter a calma, se mostrar segura e responder APENAS o que foi perguntado. Não precisa dar mil detalhes de nada. Boa sorte e vá tranquila! Beijos

  33. Oi, adorei seu post, tenho uma dúvida e queria saber se pode me ajudar.. vou fazer minha primeira viagem internacional e ainda por cima sozinha rsrs meu voo é para o aeroporto de Lisboa, porém depois seguirei para outros destinos na Europa em um total de 2 meses de viagem.. sou MEI, trabalho com venda de roupas femininas na praia, tenho toda a documentação certinha inclusive imposto de renda, também sou estudante universitária e levarei o comprovante de matrícula.. acha que posso ter algum prolema para comprovar vínculo com o Brasil? Também tenho o problema de ser solteira e jovem.. O resto dos documentos estão ok, vou fazer muitos deslocamentos de trem, então comprarei um eurail global pass, é suficiente apresenta-lo ou preciso de reservas em cada um dos trens ?

    • Bruna, tudo bem ? Obrigada 🙂 Olha, na Europa a imigração é bem tranquila, mas é bom você levar todos seus documentos de qualquer forma. Eles são suficientes. Quanto ao Euro Rail você precisa ver as condições do passe que você vai comprar. Lá vai dizer como e o que você deve fazer. beijos

  34. Oi Denise! adorei os comentários, tenho um dúvida talvez você saiba me responder, o meu visto está no passaporte que já venceu mais já tenho um novo apresentando os dois na imigração será que pode ter algum problema, será a minha primeira viagem sozinha espero que isto não seja um problema, bjs

    • Oi Ivana, tudo bem ? É assim mesmo, você viaja com os dois passaportes: o atual e válido, mais o que foi cancelado e que possui o visto válido. Este é o procedimento normal e você não terá nenhum problema 🙂 Boa viagem! beijos

  35. Adorei seus comentários e já pratico alguns deles.
    Nao tem muito tempo que pude começar a viajar e tomei gosto pela coisa. E, hoje o meu objetivo é conhecer o mundo! Nao sei se terei tempo e condições, mas continua sendo meu objetivo. Acho que nao tem nada mais interessante do que conhecer novas culturas e guardar na memoria as coisas lindas e curiosas que existem por ai.
    obrigada, bj

    • Oi Leda, tudo bem ? Que bom que gostou 🙂 Fico contente. Olha, nada melhor que conhecer o mundo, mas nem se prenda a tempo. O mais importante é você curtir com qualidade cada lugarzinho, né? Eu sou praticante da viagem devagar (e nem precisa ser longa, não) e vamos indo até quando der 🙂 Obrigada pela visitinha. Beijão

DEIXE UM COMENTÁRIO!

Please enter your comment!
Insira seu nome

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Success message!
Warning message!
Error message!