Visita à Vinícola Pizzato no Vale dos Vinhedos

Na minha última passagem pela Serra Gaúcha, tive a oportunidade de visitar a Vinícola Pizzato e conhecer um pouco sobre o tradicional processo de desenvolvimento dos vinhos, além de participar de algumas ótimas degustações que você também poderá experimentar quando estiver pela região.

A Vinícola Pizzato e o Vale dos Vinhedos

Não dá para começar a falar sobre a Vinícola Pizzato sem contar um pouquinho sobre a área onde ela se encontra. O Vale dos Vinhedos é uma região da Serra Gaúcha onde são produzidos alguns dos melhores vinhos do Brasil. Localizado a cerca de 130 km da capital Porto Alegre, o Vale dos Vinhedos engloba três cidades: Bento Gonçalves, Garibaldi e Monte Belo do Sul.

O Vale foi a primeira Indicação Geográfica Brasileira, em 2001, e começou e certificar os vinhos com D.O. (Denominação de Origem) em 2009. Nessa região se encontra a maior concentração de vinícolas que produzem vinho finos na América do Sul.

Vista do vinhedo de Merlot e do Vale

Por lá, é possível fazer passeios turísticos que envolvem visitas as vinícolas, onde você pode aprender sobre o processo da viticultura e, óbvio, participar de ótimas degustações – que, honestamente, é a melhor parte!

A Vinícola Pizzato é uma destas vinícolas que estão abertas para que as pessoas do país e do mundo todo conheçam, em primeira mão, as nuances e detalhes dos vinhos, essa bebida tão importante para a cultura local e o comércio nacional.

Leia também

Casacurta hotel, charme e sofisticação em Garibaldi

Casa DiPaolo, culinária típica italiana na Serra Gaúcha

A história da Pizzato começa em 1875 quando Antônio Pizzato, o patriarca da família, saiu do Veneto, na Itália, rumo ao Brasil. Ao chegar ao país, o imigrante se estabeleceu na região da Serra Gaúcha e seu filho, Giovani, deu início ao cultivo das uvas. Essa prática foi mantida pelos descendentes de Antônio de forma familiar até que, em 1998, a família, liderada por Plínio Pizzato, criou a Pizzato Vinhas e Vinhos.

Quatro gerações da Família Pizzato: Ivo (in memoriam), Giovani, Plínio e o neto e Flávio.

Onze anos depois da abertura e de muito trabalho, em 2009, a Pizzato recebe a tão esperada D.O.V.V., Denominação de Origem do Vale dos Vinhedos.

Nessa minha visita, que aconteceu durante a press trip Vindima 2019, tivemos a honra da presença do Plínio e do Flávio Pizzato, que nos contaram a história da família, falaram sobre o terroir e também sobre a produção dos vinhos. Imagina como foi especial essa visita! Uma experiência realmente incrível e que recomendo se você estiver visitando a região.

Plínio Pizzato

Toda a produção dos vinhos Pizzato ainda é de responsabilidade direta dos integrantes da família, que vem fazendo um excelente trabalho e produzem vinhos que estão presentes em lojas e restaurantes no Brasil e no exterior.

Começamos a nossa visita pelo vinhedo de Merlot que fica bem pertinho do prédio onde acontecem as degustações e harmonização. O vinhedo estava carregado de uvas aguardando a colheita.

Vinícola Pizzato Degustação e Harmonização

Depois de visitarmos o vinhedo, fomos para o espaço onde acontecem a degustação com harmonização de queijos e charcutaria regional. Nesse espaço também funciona a loja, onde você pode adquirir os produtos.

Degustação Vertical de espumantes

Você já participou de uma degustação vertical? Foi a minha primeira vez e para você entender, a degustação vertical envolve provar o mesmo vinho ou espumante, do mesmo produtor, porém de safras colhidas em anos diferentes.

Degustação vertical de Espumante Pizzato Brut

Você consegue sentir a evolução do sabor da bebida ao longo dos anos. Achei muito interessante, pois é possível comparar e sentir a diferença no sabor, mesmo não sendo uma especialista ou profissional de vinhos.

Provamos o espumante Pizzato Brut, das safras de 2007, 2009, 2014 e 2016. Esse espumante iniciou a sua produção em 2006, pelo método tradicional, e as uvas são 85% Chardonnay e 15% Pinot Noir. Com aroma de flores brancas e frutas cítricas, esse espumante harmoniza bem com peixes, frutos do mar, carnes brancas, aperitivos e sobremesas. Realmente uma delícia!

Degustação de vinhos e harmonização com queijos e charcutaria regional

Durante a degustação de vinhos, provamos rótulos das linhas Doutor Fausto e Vale dos Vinhedos.

A degustação foi harmonizada com 6 tipos de queijos regionais (cabra, vaca e ovelha) gaúchos e produtos de charcutaria (carne suína, ovino e pato). A proposta é que, ao comer os queijos e os embutidos, o nosso paladar experimente novas sensações e sabores resultados da união entre o vinho e os alimentos.

Tanto a harmonização com queijos, quanto a com charcutaria, acompanham um cestinho de pães e uma degustação de varietal de azeite, também gaúcho.

Leia também

Dall’Onder Grande Hotel, tradição e gastronomia em Bento Gonçalves

Dall’Onder Axten modernidade e conforto em Caxias do Sul

No final da degustação, é possível comprar os vinhos que foram experimentados.

Informações Práticas para a Visita

Recomendo que antes da sua viagem, entre no site da Pizzato para conferir os preços e informações atualizadas.

  • End: Via dos Parreirais, S/Nº – Santa Lúcia – Bento Gonçalves, RS
  • Tel: +55 54 3055 0440
  • Whats: +55 54 98114 0116

Degustação Orientada

Degustação de oito rótulos numa mescla de produtos entre as diferentes linhas da vinícola.

  • Valor: R$ 23 por pessoa (Jul 2019)
  • Horário: De seg a dom, 10h às 17h; Feriados, 10h às 19h
  • Grupos com mais de 10 pessoas precisam agendar horário

Degustação Vertical

Degustação de um determinado vinho de diferentes colheitas com quatro rótulos, sendo três históricos e um atual.

  • Valores sob consulta
  • Duração: 1h30 a 2h
  • É necessário agendar

Harmonização com queijos gaúchos

Na harmonização de queijos são apresentados 6 queijos regionais gaúchos pareados com 6 vinhos da casa.

  • Valor: R$ 150 para 2 pessoas (Jul 2019)
  • Duração: 1h30 a 2h
  • Grupos de 1 a 10 pessoas
  • Mediante agendamento

Harmonização com charcutaria

Conta com 6 produtos de charcutaria gaúcha, harmonizados com 6 vinhos Pizzato. Varia desde embutidos de carne suína, como também de ovino e pato.

  • Valor: R$ 130 para 2 pessoas (Jul 2019)
  • Duração: 1h30 a 2h
  • Grupos de 1 a 10 pessoas
  • Mediante agendamento

Jantares harmonizados

  • Valor sob consulta
  • Duração: de 2h a 4h
  • Grupos de 20 a 40 pessoas
  • Mediante agendamento

Denise Tonin visitou a Pizzato Vinhas e Vinhos, durante a Press Trip Vindima 2019, mas a opinião é isenta e baseada na experiência real da autora durante a visita.

DEIXE UM COMENTÁRIO! VOU ADORAR!

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.