Atualização Outubro 2020

A vinícola da Família Geisse, especialista em espumantes, é mais um passeio obrigatório no seu roteiro pela Serra Gaúcha. Ela fica na zona rural de Pinto Bandeira, no Rio Grande do Sul. 

Oz Clarke, um dos maiores degustadores europeus, escolheu seus vinhos e espumantes favoritos em 2012. E advinha? O espumante Cave Geisse ficou em 3º lugar. Já em 2014, foi eleito o melhor Espumante Brut pelo Anuário Vinhos do Brasil. E as premiações não param por aí. Poderia escrever uma lista enorme.

Então, acho que tá explicado o porquê você deve visitar a Família Geisse, ainda mais, se você é uma apreciadora de espumantes e da natureza.

Visitar a vinícola é também aproveitar a chance de se aproximar da natureza, uma vez que ela faz parte de um cenário lindíssimo de preservação. A fauna e flora daquela região são exuberantes e formam o clima perfeito para mergulhar de cabeça em uma experiência enológica. 

Relaxar enquanto ouve os pássaros, degusta uma taça de espumante e conhece um pouco mais sobre como eles são feitos. Foi assim que me senti e é sobre isso que falarei na postagem de hoje. 

Nas próximas linhas, vou contar um pouco da história da família Geisse. Também vou contar sobre a minha visita e das experiências que vivi ali. 

Breve história da família Geisse

A história dos espumantes da família Geisse teve início em 1979, quando o agrônomo e enólogo chileno Mario Geisse veio ao Brasil. Na época, ele havia sido chamado para a Moët & Chandon, que iniciava suas atividades na América Latina. 

Logo que chegou, Mario Geisse notou o grande potencial da região sul para o cultivo de uvas, especialmente as utilizadas na fabricação de espumantes. Foi quando ele iniciou pesquisas intensas, que o levaram ao terroir de Pinto Bandeira, uma microrregião bem propícia para o cultivo de uvas. 

Depois da descoberta, Mario seguiu fazendo muitos testes e experimentos, até chegar na fórmula perfeita do espumante. 3 anos após a descoberta do terroir, Mario Geisse fundou a Vinícola Geisse. 

Com o passar do tempo, Mario Geisse comprovou a teoria de que havia encontrado o terroir ideal: os espumantes da família Geisse estão aí para comprovar. Além dos vários prêmios conquistados, o reconhecimento do público é inevitável. 

Em 1998, a Vinícola Geisse produziu a safra do Cave Geisse Brut 1998, espumante que ficou guardado por 12 anos e comprovou o sucesso da família. 

Quando visitei a vinícola, tive a grande oportunidade de degustar um espumante da safra de 1998 e pude comprovar que sim, é uma experiência única. Não fui a única a dizer isso, inclusive especialistas, concordam que as uvas daquela região rendem vinhos e espumantes de altíssima qualidade.

Vinhedos

As uvas usadas na fabricação dos vinhos e espumantes da Família Geisse são cultivadas na microrregião de Pinto Bandeira. Logo no início, Mario Geisse assumiu um compromisso com o terroir: aproveitar ao máximo a região e implantar o sistema de espaldeira com índices de produção controlada. 

Bom, se falei grego, isso quer dizer que as uvas que nascem ali são de altíssima qualidade. Não é por acaso que foi o primeiro vinhedo de espaldeira de Chardonnay da região e hoje representa um grande marco para a viticultura brasileira. 

A família Geisse é tão dedicada, que embora o território seja enorme, apenas 36 hectares são destinados à produção. Além disso, eles usam uma tecnologia que torna o vinhedo super ecológico: ao invés de agrotóxicos, eles usam um sistema que controla as pestes por meio da temperatura. 

Mais adiante, você vai descobrir como fazer para conhecer esses vinhedos de pertinho!

Geisse Tasting 

Essa é uma experiência perfeita para os amantes do vinho. O Geisse Tasting inclui uma visita à cave onde são produzidos os espumantes e onde você aprende sobre o processo de elaboração dos vinhos e espumantes. 

Ao entrar em uma das salas está escrito na parede:

Esses espumantes nasceram do amor pela terra, da mangia da natureza e da paixão pelo vinho.

Mas não para por aí. Durante a visita, você ouvirá em detalhes sobre o método tradicional de fermentação dupla que resulta em deliciosos espumantes. Sem dúvida alguma, uma experiência muito interessante!

Na ocasião, fizemos uma degustação vertical de espumantes. Inclusive, sabe a diferença entre uma degustação vertical e uma horizontal?

Degustação vertical x horizontal

Em uma degustação vertical, provamos os vinhos ou espumantes de diferentes safras, ou seja, diferentes anos, mas a mesma bebida. 

Já na horizontal degustamos vinhos da mesma safra, feitos na mesma região, com a mesma uva e de produtores diferentes.  

No Geisse Tasting, provamos espumantes dos anos 1998, 2002, 2010, 2012, 2013 e 2014. Todas as seis safras da Cave Geisse, em magnum e com longo contato com as leveduras.

Nessa ocasião, as bebidas saíram das garrafas uma semana antes da degustação. A que mais gostei foi a safra de 2012, mas devo admitir que a de 2002 é surpreendente. Uma delícia! 

Essa experiência permite que a gente descubra as diferenças entre as safras e sinta a mudança que o tempo proporciona à bebida. Mesmo que você não tenha o paladar apurado para esse tipo de experiência, em alguns casos a diferença é evidente!

Informações Práticas tour completo & degustação

A experiência: tour guiado no interior da vinícola, degustação de vinho base e degustação de 4 rótulos:

  • Cave Geisse Nature harmonizado com queijo pecorino
  • Cave Geisse Extra Brut harmonizado com tapas de presunto parma
  • Cave Amadeu Rosé harmonizado com damasco
  • Vinho Mario Geisse Reserva

Horários: Seg a Sex (exceto feriados) às 10h30

Reserva: é necessário o agendamento prévio

Duração: 2h

Valor: R$ 100,00/pessoa, sendo que R$ 30,00 são revertidos em compras na loja.

Há outras experiências que você pode escolher. Acesse o site para ver os preços atualizados na data da sua visita.

Geisse Open Lounge

Visitar a família Geisse é se deparar com várias possibilidades de experiências. Aliás, eles capricham mesmo! Além das visitas guiadas, de poder sobrevoar os vinhedos do terroir, degustar os vinhos e espumantes, você pode provar empanadas chilenas artesanais. 

O lounge é um espaço externo, feito especialmente para acolher os visitantes que querem passar um momento relaxante e fazer um bom agrado ao paladar (acredite, ao corpo todo).

Seja nas mesinhas ou até mesmo sentada no gramado, o lugar é perfeito para tomar um bom espumante, provar as delícias da cozinha e curtir a vida. 

Inclusive, essa é a melhor experiência para quem chega de surpresa, uma vez que as visitas guiadas devem ser agendadas e, se você quer somente curtir o ambiente e a natureza, basta chegar. Não é necessário fazer reserva para curtir o Open Lounge.

Informações Práticas

Endereço: Linha Jansen, s/n – Pinto Bandeira, RS

Horário: de 11 às 18h

Valores: variam conforme o consumo

Reserva: não é necessário reservar com antecedência.

Geisse Terroir Experience

É em meio à natureza exuberante típica do sul do país, onde ocorre o Terroir Experience. Estou falando de uma experiência que vai um pouco além dos espumantes e vinhos produzidos pela família: conhecer de perto a origem de todo o sabor que chega engarrafado em nossas mesas. 

O passeio acontece em uma 4×4, o que já é um charme, e deve ser agendado com antecedência. Tem a duração aproximada de 1h30min com direito a um brinde no Espaço Zen.

Rodamos pela propriedade no 4 x 4, passamos no meio dos vinhedos, fizemos uma parada em uma pequena cachoeira, enquanto eles nos explicava sobre os processos e sobre o terroir.

Depois fizemos uma parada para relaxar no Espaço Zen com direito a espumante geladinho. Que delícia de cantinho! Ali é o espaço onde acontece mais uma degustação antes de seguir para o mirante.

É no Mirante que você tem a vista mais incrível dos vinhedos das uvas Pinot Noir e Chardonnay. Pode parecer bobagem, mas a natureza parece ter o poder de tornar tudo muito mais agradável.

Uma coisa que ficamos sabendo é que o Geisse Terroir Experience também pode ser feito pelos ares. Isso mesmo, é possível sobrevoar os vinhedos e o terroir em um helicóptero, também com degustação em altitude! Uau, já pensou? Apesar do meu medo de helicópteros, fico só imaginando a beleza deste passeio. Quem sabe você faz e depois me conta como foi?

Informações Práticas

Reserva: é necessário fazer o agendamento desta experiência

Horários: Sex, Sáb, Dom e feriados às 10h, 12h, 14h e 15h30

Duração: 1h 30min

Valor: 1 pessoa, R$ 200,00 | 2 pessoas, R$ 300,00 | 3 pessoas, R$ 350,00 | 4 pessoas, R$ 400,00 | 5 pessoas, R$ 500,00 (Out 2020)

Informações: turismo@vinicolageisse.com.br

Voo de Helicóptero: essa experiência é oferecida em parceria com a Voe Tri Taxi Aéreo e você deve fazer o agendamento diretamente com a empresa no site ou pelos contatos: contato@voetri.com ou pelo Tel: (54) 9 9999-1636.

Denise Tonin visitou a vinícola à convite da Família Geisse, durante a Press Trip Vindima 2019, mas a opinião é isenta e baseada na experiência real da autora.

DEIXE UM COMENTÁRIO! VOU ADORAR!

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.