fbpx

Guia Viajar Sozinha em Segurança

HomeViajar SozinhaDocumentosComo tirar a nova Carteira de Identidade Nacional

Como tirar a nova Carteira de Identidade Nacional

Confira o passo a passo para obter a sua nova carteira de identidade nacional. Saiba também o que acontece com o nosso RG.

Guia Viajar Sozinha em Segurança

Quando o assunto é viagens, sabemos que os documentos merecem atenção especial. Afinal, são tantas exigências que acabamos nos perdendo. Mas recentemente o Governo Federal lançou a nova Carteira de Identidade Nacional, que já começou a ser emitida e terá o CPF como número de identificação.

Com isso, aos poucos a população poderá abandonar o modelo antigo e adotar uma versão mais prática e simplificada do documento. 

Assim, os primeiros estados brasileiros a emitirem a nova carteira de identidade são:

  • Acre, 
  • Distrito Federal,
  • Goiás,
  • Minas Gerais, 
  • Paraná, 
  • Rio Grande do Sul

Portanto, se você, viajante, quer continuar passando pelos países que aceitam apenas a carteira de identidade como documento, este artigo é pra você!

O que é a Nova Carteira de Identidade Nacional?

Bom, todos nós já possuímos a versão antiga da carteira de identidade, ou RG, que possui o número de registro próprio, CPF, data de emissão, local de nascimento e até mesmo uma foto — aliás, a foto que a maioria das pessoas não gosta!

Mas a população brasileira cresceu e passou por modernizações importantes, o que motivou o surgimento da CIN – Carteira de Identidade Nacional. 

Nova Carteira de Identidade Nacional
Fonte: Governo Federal

Além de simplificar a versão já existente, essa é uma oportunidade para quem possui erros no Cadastro de Pessoa Física poder consertar alguma informação.

Por exemplo, uma letra errada, sobrenomes faltando e até mesmo datas de nascimento que não estão corretas. 

Além disso, há o ponto importante é que o novo RG passará por validações biográficas e biométricas, antes mesmo de ser emitido.

Ou seja, os números de identificação serão emitidos pela Receita Federal, deixando de lado os números de antes, que eram emitidos por cada estado. 

Já a tecnologia por trás do novo documento permite verificar a autenticidade por um QR code, assim como acontece na CNH digital.

Mas e a carteira de identidade atual?

Principalmente pela nova versão ainda não estar disponível em todo o país, o Governo Federal estabeleceu que a versão atual ainda será aceita por até 10 anos para a população de até 60 anos. 

Já para quem tem mais de 60 anos, o documento será aceito por tempo indeterminado. Ou seja, se você tem acima de 60 anos, não precisa se incomodar em atualizar o RG. 

Importante lembrar que a carteira de identidade não substitui nenhum outro tipo de documento, como Carteira Nacional de Habilitação (CNH) ou o passaporte nacional. 

Leia também:
Como tirar o passaporte brasileiro
Como obter o Certificado de Vacinação COVID-19
Como usar o WhatsApp em Viagem
Requisitos para entrada de brasileiros em Portugal 2022

Quais informações estarão disponíveis na nova carteira de identidade nacional?

O novo documento terá as seguintes informações:

  • Inscrições da República Federativa do Brasil e também do Governo Federal,
  • Identificação do ente federal que expediu,
  • Órgão expedidor,
  • Número do registro geral nacional,
  • Nome, filiação (nome dos pais), sexo, nacionalidade, local e data de nascimento do titular,
  • Número único da matrícula de nascimento ou de casamento do titular ou informações do cartório e número de registro,
  • Fotografia 3×4, seguindo os padrões da Organização Internacional da Aviação Civil (OACI), assinatura e impressão digital (como no modelo antigo),
  • Assinatura do dirigente do órgão emissor, 
  • Código de barras no padrão QR Code, 
  • Zona de leitura mecânica, como vemos em uma das folhas do passaporte. 

Como tirar o novo documento?

Antes de mais nada, se você mora em algum dos estados onde a carteira de identidade nacional já está sendo emitida, basta se apresentar em algum dos órgãos emissores portando os seguintes documentos: 

  • Certidão de nascimento ou de casamento (formato físico ou digital), 
  • CPF

Se a pessoa não possuir CPF, o cadastro será feito no ato, não sendo este um impedimento para obter o novo documento. 

Ainda segundo o governo federal, os órgãos responsáveis por emitir a nova carteira de identidade nacional serão as Secretarias de Segurança Pública de cada estado. Então, é necessário verificar em cada um dos estados. 

Além da versão física, a carteira de identidade também terá uma versão digital, que ficará acessível por aplicativos e pelo site oficial do governo federal. 

Quanto custa para emitir a nova carteira de identidade? 

A boa notícia é que o governo federal informou que a emissão do novo documento deve ser gratuita para todos, o que facilita muito na hora de emitir qualquer documento. Mas, se você precisar de uma nova via de algum outro documento, como a certidão, é necessário consultar o preço de emissão.

Leia também:
Requisitos de entrada de brasileiros no Uruguai 2022
3 aplicativos de tradução para usar na sua viagem sozinha
Como tirar a carta verde para dirigir no Mercosul

Posso usar a nova carteira de identidade para viajar a outros países?

Atualmente, alguns países não exigem que brasileiros portem o passaporte para cruzar as fronteiras. Neste caso, podemos viajar usando apenas a carteira de identidade. 

Com as mudanças, o governo informou que as regras de imigração para brasileiros continuam as mesmas para países do Mercosul. Em qualquer outro caso, recomendo levar o passaporte. 

Vantagens da nova carteira de identidade nacional

Até aqui, você aprendeu o que é o novo documento de identificação nacional, além de saber como emitir. 

Mas existe uma série de vantagens neste novo modelo de identidade: 

  • Menos um número de documento, 
  • Praticidade na hora de viajar,
  • Maior segurança contra fraudes,
  • Números únicos, independente do estado,
  • Documento atualizado, 
  • Versão digital para evitar perdas de documento,
  • Emissão gratuita.

Leia também:
Como tirar a Permissão Internacional para Dirigir
Passaporte perdido ou roubado: o que fazer
Requisitos para Entrada de Brasileiros no Catar 2022

Tenho irregularidades nas informações do CPF, e agora?

Como já mencionei acima, há muita gente que possui divergências entre os documentos de imigração. 

Muitas vezes, são pequenos erros de registro ou digitação, além de atualizações de nomes que podem não constar em todos os documentos importantes. 

Se este for o seu caso, o procedimento para corrigí-los é simples. Basta você deve enviar documentos para a Receita Federal por e-mail e solicitar a correção. Os documentos para essa mudança são: 

  • Documento de identidade oficial com foto (pode ser a versão antiga),
  • Certidão de nascimento ou de casamento,
  • Comprovante de endereço, 
  • Foto de rosto (pode ser uma selfie) segurando o documento de identidade. 

Atenção: as regras mudam um pouco para quem tem menos de 18 anos. Então, se este for o seu caso, as informações detalhadas podem ser acessadas no portal do Governo Federal

Quando o Brasil todo passará a usar apenas o novo modelo?

Como essa é uma mudança que envolve todos os brasileiros, é importante saber que há tempo de preparar todos os documentos, solicitar correções e atualizar os dados. 

Segundo o governo federal, até o ano que vem há previsões de emissão em todos os estados do Brasil. Ou seja, em breve todos poderemos portar apenas um documento de identificação, que ainda poderá ser na versão digital.

JÁ ESTÁ ME SEGUINDO NO INSTAGRAM? BORA VOAR!

28,3k Seguidores
Seguir

Salvo algumas exceções devidamente sinalizadas, todas as viagens e experiências do Viajante Solo são custeadas com recursos próprios da autora, Denise Tonin. Por isso, se você achou esse conteúdo útil para a sua viagem, poderá adquirir os produtos oferecidos, como o Planner de Viagem, o Guia Viajar Sozinha em Segurança ou a Mentoria para Viajar Sozinha. Ficarei muito feliz e grata pelo seu apoio!

Guia Viajar Sozinha em Segurança

Planner Viajante Solo

Planner Viajante Solo

Success message!
Warning message!
Error message!