Cuidados com a saúde ao viajar

Antes de colocar o pé na rua para iniciar uma viagem é imprescindível olhar com atenção para a saúde, principalmente se a viagem é sozinha. Ninguém quer ficar doente fora de casa e, ainda mais, longe dos familiares e amigos, não é mesmo? Por isso precisamos ter alguns cuidados com a saúde ao viajar.

Primeira viagem internacional sozinha

Cuidados com a saúde ao viajar: antes da viagem

Pesquise sobre o destino

Depois de escolhido o destino de viagem, é necessário observar alguns pontos sobre o local que podem impactar diretamente nos cuidados com a saúde ao viajar:

  • clima
  • altitude
  • fuso Horário
  • hábitos alimentares

Analisar esses fatores permitirá que você já esteja prevenida quanto a cuidados específicos para cada um deles.

Por exemplo, se você mora em uma cidade com temperaturas mais baixas, sua pele está mais acostumada com o frio. Se for viajar para países tropicais, com temperaturas elevadas, deverá ter o dobro de cuidado com a pele, passando bastante protetor solar, e fazendo uso de hidratantes específicos.

Esse cuidados são para que você não adquira alergias na pele, insolação, ou até doenças mais graves ocasionadas pela exposição ao sol.

Evite destinos com epidemias

Quando viajamos a lazer, podemos escolher o nosso destino e não faz nenhum sentido viajar para algum lugar que esteja passando por um surto ou epidemia. Para se informar melhor sobre algum destino, verifique as recomendações da ANVISA sobre o destino escolhido.

A Anvisa tem uma página onde disponibiliza informações de saúde sobre os países e que você deve dar uma olhada, assim que definir para onde quer ir.

As informações ficam na área de login do Certificado Internacional de Vacinação e Profilaxia (CIVP). Você deve clicar em Exigências de Viagem e depois é só escolher o país de destino.

Se houver informações, você deve clicar no ícone do olho para ver quais são as recomendações. Veja o exemplo abaixo que mostra várias exigências para o Egito.

Recomendações da Anvisa para viagem ao Egito

Outros sites que podem ser pesquisados, mas que estão em inglês e espanhol respectivamente:

Procure seu médico

É muito importante também procurar o seu médico com, no mínimo, 30 dias de antecedência a sua viagem. Lembre-se que ele provavelmente pedirá exames para poder verificar como anda a sua saúde e, nem sempre, é fácil agendarmos tudo rapidamente.

Ele também poderá lhe dar orientações quanto ao uso de medicação contínua durante a viagem. Caso você tome alguma medicação controlada, o ideal é levar uma receita médica e a quantidade ideal para não interromper o uso da medicação.

Procure os Centros de Referência

Como um cuidado extra, você também poderá procurar pelos Centros de Orientação para a Saúde do Viajante na sua cidade.

>> Lista de Centro de Orientação para a Saúde do Viajante

É possível agendar consultas para obter orientações de saúde para a sua viagem. O ideal é marcar com bastante antecedência para garantir a consulta antes da viagem. Leve seu roteiro e sua carteira de vacinação.

No Rio de Janeiro são dois os Centros de Referência certificados pelo Ministério da Saúde:

Atualize as vacinas

Acredite, uma das medidas mais preventivas contra doenças é a vacinação. A maioria dessas vacinas são de rotina, independente de viajarmos ou não. Mas a gente tem aquela ideia de que vacinação é só quando somos crianças.

Como tirar o Certificado Internacional de Vacinação (CIVP)

Recentemente, depois de fazer 50 anos, comecei a olhar melhor para as vacinas e ainda estou no meu processo de atualização. Tomo a vacina de gripe todos os naos e comecei a atentar para as outras vacinas indicadas pelo Ministério da Saúde para adultos.

Não sei se você sabe, mas existem vacinas que devemos tomar na fase adulta, independente das viagens, como a antitetânica, hepatite B, sarampo, caxumba, entre outras que constam como recomendação.

Vale lembrar que as vacinas têm um período que pode variar entre 10 dias e seis semanas, para atingir a proteção esperada. Então, procure seu médico assim que confirmar a viagem, pois terá tempo de atualizar as vacinas e viajar já com a proteção ativada. 

Febre Amarela

A vacina mais exigida quando se vai viajar é a contra a febre amarela, que precisa ser tomada com, no mínimo, 10 dias antes da viagem. Está disponível em postos de vacinação, postos de saúde ou clínicas particulares.

Em maio de 2014, a Organização Mundial de Saúde (OMS) reconheceu que uma única dose de vacina contra a febre amarela confere imunidade por toda a vida, sendo a posição ratificada em assembleia realizada em maio de 2016.

Poliomielite

Em maio de 2014, a Organização Mundial de Saúde (OMS) declarou a disseminação internacional da Polio como uma emergência de saúde de interesse internacional e emitiu recomendações para reduzir a propagação. Por conta disso alguns países passaram a exigir o comprovante de vacinação.

De acordo com a ANVISA, na listagem atual da OMS poucos países exigem comprovação de certificado Internacional de vacinação de brasileiros para essas doenças.

Procure seu dentista

Assim como devemos procurar o nosso médico para ver como anda a nossa saúde, precisamos também cuidar da nossa saúde bucal. Vale dar uma passadinha no dentista para ver se está tudo ok com seus dentes, se não há nenhuma cárie ou se é preciso uma limpeza. Imagina ter dor de dente durante a viagem. Nem pensar!

Contrate um Seguro Viagem

Sempre falo e recomendo contratar um seguro na hora de viajar. Claro que a gente não pretende usá-lo, mas às vezes precisamos até pra pequenas coisas. As razões que costumo dar pra quem me pergunta se precisa contratar seguro viagem mesmo são as seguintes:

  • Não é o custo mais alto da viagem. Existem planos com mais ou menos itens de cobertura e você pode escolher o que cabe no seu bolso.
  • Estamos viajando sozinhas e contamos com nós mesmas. No caso de acontecer algum imprevisto teremos o auxílio de uma empresa especializada que vai nos orientar e ajudar, nos indicando os melhores locais para ir.
  • Os custos com serviços médicos, principalmente em uma viagem internacional, são muito altos e, às vezes, nosso cartão de crédito nem tem limite para cobrir este tipo de despesas.

Bom, se a sua saúde e segurança vem em primeiro lugar tenho certeza que você vai concordar comigo.

Leia também

Como contratar um seguro viagem internacional

Seguro viagem para quem viaja sozinha

Monte a sua farmácia

É super importante que a gente leve em nossa viagem aqueles medicamentos que a gente já está acostumada a tomar.

Como levar medicamentos em viagem internacional

Isso por dois motivos: você já sabe como seu corpo vai reagir a medicação e também porque você não precisará perder tempo indo a farmácia

Cuidados com a saúde ao viajar: durante a viagem

Cuidados na viagem de avião

  • Não se esqueça de seguir sempre as regras exigidas pelas companhias aéreas a respeito do transporte de alimentos, objetos e líquidos.
  • Caso se sinta mal, ou sinta alguma alteração no seu estado de saúde, avise aos tripulantes e comissários de bordo.
  • Opte por roupas mais confortáveis para embarque, e faça refeições mais leves.
  • Caso seu voo seja muito longo, de várias horas, é importante que você se movimente para evitar riscos de trombose.
  • Lembre-se de beber muito líquido também, o ambiente da aeronave é propício para desidratação.
  • Se você estiver gestante, deve consultar seu médico antes da viagem. A viagem pode te fazer suscetível a vários riscos.

Jet leg

Para viagens mais longas, onde há uma diferença grande de fuso horário, pode ocorrer um mal-estar devido essa mudança repentina.

Se expor o mais rápido possível a luz solar é a primeira melhor solução. A luz do sol faz com que o nosso reloginho interno se adapte mais rápido aos horários.

O que é jet lag e como amenizar os sintomas

Hidrate-se

A água é muito importante para o nosso bem estar e saúde e, às vezes, na empolgação de estarmos em outro país ou descobrindo um novo local, acabamos esquecendo dela. Carregue com você sempre uma garrafinha de água e mantenha-se hidratada. Você se sentirá melhor, vai por mim!

Use roupas confortáveis

Viajar também é relaxar e nada melhor do que cobrirmos nosso corpo com roupas confortáveis para que a gente possa aproveitar ao máximo nossas novas descobertas e experiências durante a viagem.

Não use nada que aperte e, de preferência, use calçados já usados para evitar surpresas.

Alimentação

Uma doença bem comum que afeta grande parte dos viajantes, é a famosa “diarreia do viajante”. Na maioria das vezes é provocada pela ingestão de alimentos de alimentos e água contaminada.

Além dessa doença, algumas doenças mais graves podem ser causadas por alimentos contaminados, por isso o cuidado é necessário.

Para te ajudar a se prevenir de doenças, separei uma listinha de cuidados preventivos que você deve ter quanto a alimentação:

Imagem Ella Olsson

  1. Evite comidas de barraquinhas de rua.
  2. Prefira alimentos cozidos. Tente não comer também carnes malcozidas, ou cruas, assim como ovos ou vegetais crus.
  3. Preste atenção quanto a higiene e limpeza dos restaurantes que você irá – principalmente a higiene do banheiro, cozinha, e utensílios utilizados tanto na preparação dos alimentos, quanto na ingestão dos mesmos.
  4. Lave as mãos sempre, ou de preferência limpe suas mãos com álcool em gel.
  5. Beba somente água mineral, não tome água de torneiras ou somente adicionada de sais, ou filtradas por algum tipo de mecanismo simples. E se tiver dúvida quanto a procedência da água, tome água com gás (mais difícil de ser adulterada).
  6. Não peça gelo para suas bebidas, e nem tome bebidas com pedras de gelo.

Leia também

Viajar sozinha para a Polônia Viajar sozinha para a Grécia 

Viajar Sozinha para a Holanda

Insetos

Algumas doenças graves como a malária, febre amarela, dengue, zika e chikungunya são ocasionadas por picadas de insetos.

Por isso alguns importantes cuidados devem ser tomados, não importa para qual país você pretenda viajar, são cuidados gerais:

  • Use sempre repelente nas partes do corpo expostas.
  • Caso hospede-se junto a natureza, opte por hotéis que tenham telas de proteção nas portas, janelas, e outras entradas de ar.
  • Caso você faça passeio por matas, safáris, zoológicos, ou outros ambientes “naturais, use camisas de mangas compridas, calças, meias e sapatos fechados. Isso vai oferecer mais proteção contra a picada de mosquitos e carrapatos.
  • Se você viajar para um país de transmissão da malária, tenha muito cuidado entre o anoitecer e amanhecer. Use repelente, e permaneça em locais fechados com ar-condicionado.

Estes são alguns dos cuidados com a saúde ao viajar. Não deixe de consultar o seu médico para obter as melhores orientações em relação a sua saúde durante a viagem.

Encontre o melhor hotel para a sua viagem solo

Viaje Conectada! Chip internacional entregue na sua casa!

Seguro Viagem com desconto!

Vai alugar um carro? Encontre as melhores locadoras e preços!

Reserva de Hospedagem com Desconto no AirBnb

Compre ingressos e Reserve Passeios pelo mundo

DEIXE UM COMENTÁRIO! VOU ADORAR!

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.