Viajar Sozinha para Viena Austria Denise Tonin Viajante Solo

Escolher a hospedagem é para mim uma das coisas mais divertidas quando planejo uma viagem. Além disso, a considero parte da experiência em cada cidade que visito. O Ruby Marie, hotel em Viena 4 estrelas, foi o escolhido. E superou todas as minhas expectativas em termos de experiência, modernidade e localização.

Um hotel moderno em prédio histórico

Pra começar o Ruby Marie Hotel Vienna, tem uma ótima localização, no coração de Neubau, distrito 7 e considerado o bairro das artes.

Mas o Ruby Marie também tem história. O prédio onde está instalado o hotel foi durante muitos anos uma conhecida loja de departamentos, chamada Mariahilfer Zentralpalast, que abriu suas portas em 1911.

Viajar Sozinha para Viena - Fachada hotel Viena

Ao longo dos anos o prédio foi constantemente reformado e, em 2015, ganhou a estética moderna com vidros espelhados e, em dezembro, passa a ser o mais novo hotel do distrito conhecido como Neubau.

A boa notícia é que a rede tem outras duas unidades em Viena, caso você prefira ficar em outra localização da cidade:

  • Ruby Lissi, localizado no distrito 1, Innere Stadt, pertinho da praça Schwedenplatz e da Catedral de Santo Estevão. A estação de metrô Schwedenplatz fica a 170m.
  • Ruby Sofie, no distrito 3, Landstraße, a 15 minutos de caminhada do centro. A estação de metrô mais próxima é a Landstraße-Wien Mitte com conexão direta para a Catedral de Santo Estêvão, a Ópera e para o Palácio Schönbrunn.

Localização privilegiada

O hotel fica a uma quadra da avenida Mariahilfer Straße, onde está a estação de metrô Zieglergasse (U3), que te leva a diversas atrações turísticas da cidade. Além disso, na avenida há diversos restaurantes, supermercado, lojas e, se você caminhar a pé por ela, em poucos minutos estará na Praça dos Museus onde há diversas atrações e também a saída dos ônibus hop on hop of (ônibus turísticos).

A outra estação, Westbahnhof, de onde é possível pegar o tram até a estação central de Viena, fica a umas três quadras a pé do hotel. Usei para depois pegar o trem e ir para Bratislava, na Eslováquia, em um bate e volta muito divertido.

Leia também >> Primeira viagem internacional sozinha

Quarto & Banheiro

O quarto é super espaçoso e possui uma bancada bem grande onde fica a TV, um tablet com dicas da cidade e um abajour. As cortinas tem blackout, o que facilita muito, caso você esteja viajando em junho como eu, quando a claridade começa às 4 da manhã.

O quarto, além de uma cama fôfa e extremamente aconchegante, ainda tem armário, local para colocar a mala, sacola de papel para compras e cofre.

E pasmem! Tem um amplificador Marhsall de verdade, que funciona como mesa de cabeceira e, se você quiser se divertir e fazer um som no quarto, basta alugar a sua guitarra na recepção. Vai dizer que não é incrível?

Confira as tarifas do Ruby Marie para as datas da sua viagem

O que eu verdadeiramente sinto falta em alguns hoteis da Europa é o frigobar. Esse hotel não tem, então, não dava para comprar água e outras coisas para lanche e deixar no quarto. Mas em alguns andares há geladeiras com bebidas e salgadinhos e o bar fica aberto 24 horas. Não foi um grande problema durante a minha hospedagem.

Leia também

Primeira viagem internacional: guia completo

20 dicas de segurança para viajar sozinha

Como em alguns hotéis mais modernos – que nem o CitizenM que fiquei em Amsterdam – a ducha e a pia ficam dentro do quarto. Mas há uma cortina de voil para separar o ambiente, caso você ache necessário. O toalete fica em um outro cômodo separado e com porta.

O hotel oferece amenities, como shampoo, condicionador e dois tipos de gel de banho. Também tem sabonete líquido na pia e lencinhos de papel. A ducha e o chuveirinho são sensacionais e também há um secador de cabelo potente.

Faça agora a sua reserva no Ruby Marie em Viena

Café da Manhã

Café da manhã que pode funcionar como almoço de tantas opções. Tem para todos os gostos e nacionalidades! haha Frutas, pães diversos, cereais, saladas, frios, sucos, ovos. Tudo o que você pode imaginar tem. É tudo muito fresco e gostoso. Amei o café da manhã e, confesso, que quase todos os dias eu ia almoçar lá pelas 4 da tarde de tanto que comia no café da manhã! hahaha

Check in, Bar & Terraço

O check in é todo feito por você em um computador, o que eles chamam de Check In Express. Claro que se você precisar de ajuda é só falar no bar que alguém vem te ajudar.

Na equipe havia uma brasileira e todos são jovens e muito simpáticos. Dá uma olhadinha no final do post o vídeo que fiz sobre o check in expresso. Achei o esquema bem legal! Na hora de sair você só devolve a chave e fim. Já está tudo resolvido.

No meu caso, cheguei um pouco antes do horário do check in e o computador te informa para aguardar mais um pouco, pois o quarto ainda está indisponível. Enquanto isso, você tem uma área incrivelmente confortável e super bem decorada. Você nem vai se incomodar de esperar por ali, porque é de fato, muito agradável.

O bar e a recepção funcionam no mesmo ambiente e estão abertos 24hs. Não há refeições muito elaboradas. Eles oferecem mais lanches e muitos tipos de drinks e cafés.

Ainda tem o terraço que é muito gostoso e fica lotado à noite.

Para ver mais um pouco de como é o Ruby Marie, hotel em Viena onde me hospedei e tive uma excelente experiência, assista aos vídeos que fiz do check in expresso e das instalações do hotel.

Veja mais opções de hospedagem em Viena

Booking.com

DEIXE UM COMENTÁRIO! VOU ADORAR!

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.