E que tal conhecer Mônaco? Neste artigo, vou contar um pouquinho sobre a minha visita ao pequeno país e trazer dicas práticas para você viajar sozinha para Mônaco. Você verá que não é preciso ser riquíssima para conhecer as belezas da Côte d’Azur.

Sobre MônacoIdiomaVisto & Documentos
Como ChegarQuando ir e Quantos dias ficarMoeda & Gastos
Sozinha em Mônaco – SegurançaOnde ficarComo se locomover 
Principais atrações em MônacoBate e Volta

Bom, mas tem um detalhe: eu não fui sozinha pra Mônaco. Estava com as meninas do meu projeto Viagem para Mulheres e andávamos pelo nosso segundo destino, Nice, quando decidimos conhecer Èze e Mônaco que estão coladinhas.

Ruth, Denise, Beta, Rose, Larissa, Thai, Mira, Dani, Claudia

Mas como sempre, mesmo estando acompanhada, meu olhar para os destinos recai para quem viaja sozinha. Vícios do trabalho, né?

E vou te falar que viajar sozinha para Mônaco eu iria nas seguintes situações: bate e volta como eu fiz com as meninas ou para curtir um super hotel maravilhoso like a queen. Para conhecer os arredores da Riviera Francesa escolheria como base, sem sombra de dúvida, a queridinha Nice com direito a uma noite na medieval e encantadora Èze.

Bom, mas isso sou eu, não é mesmo ? Leia o post e veja se concorda comigo ou se Mônaco foi feita para você!

Sobre Mônaco

Localizado às margens do Mediterrâneo, entre Nice e a fronteira italiana, Mônaco é o segundo menor estado independente do mundo. Nessa categoria, quem ocupa o primeiro lugar é o Vaticano. As dimensões são modestas: 4100 metros de comprimento e largura que varia entre 350 e 1050 metros, formando uma superfície de 202 hectares. 

Apesar do tamanho, o Principado de Mônaco é conhecido no mundo inteiro, principalmente pelas riquezas que circulam pela Côte d’Azur. Afinal, são cassinos, iates, carrões de luxo, restaurantes e hotéis 5 estrelas que tornam a Riviera Francesa um lugar muito falado ao redor do mundo e sonho de muitos viajantes. 

Mas não é só de riqueza material que vive o Principado de Mônaco. A natureza exuberante facilmente vai ganhar o seu olhar: tons de azul do mar, o verde das matas e as cores quentes das pedras. Isso sem falar na história local, um verdadeiro mergulho nos anos conturbados que levaram Mônaco a se tornar um estado independente. 

Por fim, quem não se lembra das emoções vividas pelo ídolo Ayrton Senna na F1, Grand Prix de Mônaco? Este é um dos trajetos mais buscados por ali, principalmente para os fãs do esporte. Eu passei por um trechinho no passeio com o bus Hop on Hop Off e lembro de assistir a F1 nos domingos.

E, claro, não podemos esquecer de Grace Kelly, atriz americana que se casou com o Príncipe Rainier III, tornando-se Princesa de Mônaco. É considerada uma das princesas mais lindas da história e faleceu em um acidente de carro em 1982.

Mas vamos as dicas práticas pra você que quer viajar sozinha pra Mônaco e, quem sabe, ainda conhecer vários outros lugares pitorescos e lindos ao redor.

Idioma

O idioma oficial no Principado é o francês, mas você vai escutar o inglês e o italiano também.

Visto & Documentos

Brasileiros não precisam de visto para passear e curtir o Principado de Mônaco, membro do Espaço Schengen. As fronteiras e seu espaço de aduana funcionam como parte da França.

A documentação que você deve portar é a mesma exigida para entrada na Europa.

Não esqueça de contratar o seguro viagem, exigido para entrada na Europa. Faça a cotação nas melhores seguradoras e escolha o plano ideal para você e para o seu estilo de viagem!

Como Chegar

Avião

Saindo dos principais aeroportos brasileiros, você pode chegar até Paris, Genebra ou até mesmo por Roma.

Como o Principado de Mônaco não possui aeroporto, uma vez na Europa, o melhor é se deslocar até Nice, na França e de lá há várias opções para chegar a Mônaco.

Já no aeroporto de Nice, você pode pegar um táxi, ônibus ou helicóptero

Helicóptero

E, se você quiser chegar abalando as estruturas de Mônaco, pode aterrizar de helicóptero à beira mar no bairro de Fontvieille, desembolsando cerca de 140 euros em um voo que dura 7 minutos. A empresa que opera os helicopteros é a Monacair e você pode reservar tudo online.

Na minha próxima visita, com certeza, vou querer ter essa experiência, porque a vista deve ser espetacular!

Ônibus do Aeroporto de Nice

Se seu orçamento não está assim tão folgado pra chegar de helicóptero, não se preocupe que tem um ônibus (Linha 110) que liga o aeroporto até Monte Carlo em 45 minutos.

Trem ou Bus

Como eu já estava em Nice, fomos de van privativa até Èze (mas pode ser de bus com a Linha 82) e depois seguimos para Monte Carlo de ônibus (linha 112). Um passeio muito tranquilo e rapidinho.

Se você preferir chegar de trem, poderá vir de TVG de várias cidades da França ou ainda de Thello das cidades italianas. Você desembarcará na Gare de Monte Carlo.

Quando ir e quantos dias ficar

A melhor época para visitar Mônaco são os meses mais quentes, que ficam entre abril e outubro. É quando chove menos e as temperaturas são elevadas o suficiente para você tomar banhos de sol e de mar. Por outro lado, é quando as passagens e os preços ficam mais caros, pois é alta temporada.

Já entre janeiro e março, é inverno na Europa. Isso quer dizer que você vai pegar temperaturas mais baixas, entre 5 e 10 graus, além de chuvas e dias fechados. Se quiser aproveitar as praias, o melhor é evitar essa época. 

Minha visita foi apenas um bate e volta e não é suficiente pra realmente conhecer, mas apenas ter um apanhado.

Acho que com dois dias você consegue conhecer as principais atrações de Mônaco e quatro dias é para fazer as coisas bem devagar e curtir. Ficar mais do que isso vai depender do quanto você está disposta a gastar, pois a hospedagem pesa um pouco no orçamento. 

Moeda & Gastos

Embora o Principado de Mônaco seja muito conhecido pela riqueza, carros milionários e celebridades, você não precisa levar muito mais do que levaria para outros países da Europa, a não ser que você vá realmente com a intenção de se divertir como uma verdadeira princesa!  

Há apenas duas coisas que você não vai conseguir driblar preços salgados: bons restaurantes e lojas. De fato, essa parte vai pesar um pouco no bolso, o que não impede de dar uma fugidinha para Nice ou fazer lanches mais baratos. 

Sozinha em Mônaco – Segurança

Mônaco não é conhecida por ter altos índices de violência ou de homicídios. Mesmo assim, o consulado brasileiro recomenda que você seja cautelosa durante o seu passeio. Isso quer dizer que você deve se atentar aos seus pertences e documentos. 

Felizmente, andar pelas ruas de Mônaco é muito diferente de andar pelas ruas das grandes capitais europeias. Não há aglomerações, pedintes ou pessoas dormindo pela rua.

Ao contrário, o desfile é de carrões e iates de luxo, mulheres e homens lindamente vestidos circulando pelos hotéis e cassinos da cidade.

Mas, sempre atenta é o lema das mulheres viajantes. Já sabemos que só por termos nascido mulheres, nosso radar tem que estar sempre ligado para o que está acontecendo ao nosso redor.  

Onde Ficar 

Se o seu objetivo é ficar em Monaco, lembre-se que não há um local ruim para fazer turismo, já que são apenas 2 km² de território e você estará perto de tudo.

A divisão dos bairros é a seguinte:

  • Fontvieille: é onde está o heliporto e também o Roseiral da Princesa Grace.
  • Monte-Carlo: é onde está o Casino de Monte-Carlo e onde você pode pagr o bus hop on hop off. É a área mais turística.
  • Monaco-Ville: é onde fica o Palácio do Príncipe na parta mais alta.
  • La Condamine: região central da cidade, onde está localizado o Mercado

Se quiser uma experiência mais do que especial e seu orçamento permitir, minha sugestão é o Hôtel de Paris Monte-Carlo, construído em um prédio de 1864 e localizado ao lado do Casino. Restaurante com 3 estrelas Michelin (Louis XV – Alain Ducasse) e ainda praia particular. Que tal? Experiência de princesa, não?

Uma opção mais em conta, pode ser também o Novotel Monte-Carlo ou até mesmo alugar um apartamento na região City Centre que fica próxima a estação de trem de Mônaco.

Confira as melhores opções de hospedagem em Monte Carlo

Outra opção para economizar na hospedagem é ficar em Nice, que fica a 20km de Mônaco e possui opções mais econômicas. Foi o que fiz. Meu passeio em Monte Carlo foi apenas um bate.

Em Nice, fiquei no antigo Days Inn, que hoje está reformado e mais moderninho e se chama Hôtel Byakko Nice by Wyndham. Ele tem um terraço super gostoso e o quarto era bem confortável.

Confira mais opções de hospedagem em Nice

Como se locomover 

Principalmente pelo tamanho e proximidade entre as atrações, a melhor forma de se locomover em Mônaco é andando. Ao caminhar você terá uma visão completa de toda a cidade, porém, dependendo de onde você escolher visitar há subidas e descidas bem íngremes. Então, calçados confortáveis para bater perna e o seu salto alto você deixa pra noite no cassino! ráaaaaa

Como meu objetivo visitando Mônaco era bater perna, depois de visitar o Casino de Monte Carlo, acabei pegando o bus turístico Hop On Hop Off, que se chama Monaco Le Grand Tour e custa 23 euros (out 2020). Ele dá uma grande volta em toda a cidade e economizou bastante as minhas perninhas e meu tempo. Eu fiz a volta toda sem descer e adorei, pois tive uma ideia geral e a vista é realmente incrível!

Se preferir andar de transporte público, há várias linhas que passam nos principais pontos turísticos da cidade. Para ver informações de tarifas e horários, basta acessar o site da CAM

Outra opção muito legal são as bicicletas elétricas, MonaBike, que são gratuitas se você usar de 1 a 30 minutos e custam 1€, se você usar de 30 à 60 minutos.

E ainda há outra opção muito fôfa! Os carrinhos elétricos chamados de Mobee. Você pega e devolve o carro, que é um Renault Twizzy, onde quiser. A diária custa 81€ ou a hora 13,50€.

Para usar o Mobee, você precisa se cadastrar no site e, depois, pelo aplicativo consegue ver os carros mais próximos. Estaciona gratuitamente em mais de 34 estacionamentos parceiros da plataforma. Muito legal, não ?

Principais atrações em Mônaco

Uma vez em Mônaco, veja o que você pode conhecer.

Bate e Volta

Em muitos casos, Mônaco é uma opção de bate e volta para quem visita Nice. A região da Côte d’Azur é repleta de lugares maravilhosos e que não só podem, como devem ser visitados.

Mônaco não era meu destino principal, por isso escolhi passar apenas uma tarde por lá. Mas se você tiver mais tempo na região, existem outros destinos para fazer bate e volta. Dá uma espiadinha nessas sugestões.

  • Nice – 35 min de carro ou 45 min de trem
  • Cannes – 1h de carro
  • Èze – 22 minutos de carro
  • Saint Tropez – 4 hs de Trem + Ferry Boat
  • Saint Paul de Vence – 1h de carro
  • Antibes – 1h de carro

DEIXE UM COMENTÁRIO! VOU ADORAR!

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.