De Manaus a Parintins voando com o turbo hélice da Azul | Viajante Solo

Para chegar a Parintins, saindo de Manaus, existem duas maneiras: de barco, que pode durar até 18 horas de viagem, dependendo da embarcação; e de avião com a duração de 1 hora de voo. Se optar por avião, provavelmente, irá voar no ATR-72, turbo hélice da Azul.

Avião com hélice? Sem turbina ? Pois é. Você vai me perguntar se não dá um medo enorme voar em avião com hélice. Well, quando comecei a ir a Parintins, em 2003, voei com companhias aéreas que nem existem mais, e acho que as aeronaves não eram tão boas e confortáveis como as de hoje em dia. O que dizem é que as turbo hélice são super seguras! O que posso garantir é que as da Azul são super modernas e novíssimas!

Turbo Hélice da Azul Frente | Viajante Solo

A entrada na aeronave é feita pela porta traseira, pois na frente, entre a cabine do piloto e a cabine de passageiros é onde são colocadas as bagagens dos passageiros.

Turbo helice da Azul Bagageiro | Viajante Solo

ATR 72 Entrada | Viajante Solo

O turbo hélice da Azul conta com duas fileiras, sendo duas cadeiras em cada uma e todas revestidas em couro, o que acho uma delícia e um diferencial da Azul. Acho super confortável! O espaço para as malas é justinho, mas comporta as malas de mão padrão.

ATR 72 Cabine de Passageiros | Viajante Solo

O espaço para as pernas é bom e não me senti super apertada, nem mesmo meu colega que tem mais de 1,80. Você consegue viajar confortavelmente.

ATR 72 Espaço para Pernas | Viajante Solo

Nestas aeronaves não há nenhum tipo de entretenimento, somente a revista da Azul, mas como o voo é rapidinho, nem senti falta. Vou ficar devendo a imagem do serviço de bordo, porque acabei não comendo nada e esqueci de fotografar. Mas, normalmente, são servidas bebidas e biscoitos de polvilho, além das balinhas de gelatina e o bolinho de laranja.

Eu achei o voo super tranquilo e bastante confortável. As hélices fazem bastante barulho e a sensação é de que você está voando bem devagar e, obviamente, muito mais baixo do que as aeronaves que estamos acostumados. Então, neste trajeto é possível ver a floresta amazônica em todo o caminho. Super recomendo!

Informações Técnicas

O ATR 72 é considerado um dos turbo hélice mais modernos e seguros do mundo e já opera há mais de 30 anos. Pertence a uma empresa franco-italiana, chamada ATR Aircraft, empresa do Grupo Airbus e possui mais de 500 unidades fabricadas.

Os motores dos ATRs são fabricados no Canadá e geram cada um 2.475 hp, o que permite com que a aeronave atinja uma altitude de até 7.620 metros. De acordo com a ATR Aircraft, o turbo hélice 72-600 pode voar até 511 km/h e tem alcance de até 1.530 km.

O turbo hélice da Azul opera em mais de 60 aeroportos pelo Brasil e, no ano passado, acabei descobrindo no hotel onde estava hospedada, que existe também a companhia aérea MAP, que faz este trecho e com a mesma aeronave.

E você já voou em um turbo hélice? Conta pra gente como foi a sua experiência.

FonteATR Aircraft
Compartilhar
Artigo anteriorIlha Grande: bate e volta a partir do Rio
Próximo artigoDocumentário: Amazônia Eterna

Cariúcha da gema, amante de um bom livro e de dias chuvosos. Descobriu faz um tempão que viajar sozinha é uma experiência incrível e que muda toda a perspectiva da vida! Agora, se denomina viajante solo por paixão e opção! Idealizadora da Solo Travel Week e do Programa Viajante Solo, seu objetivo é incentivar cada vez mais mulheres a viajarem sozinhas.

DEIXE UM COMENTÁRIO! VOU ADORAR!

Please enter your comment!
Please enter your name here