Curitiba é um dos meus destinos prediletos por ser uma cidade com mil coisas para fazer, tanto no inverno quanto no verão. Além de tudo a gastronomia é incrível e o que não falta por lá são ótimas cervejas artesanais. É uma cidade que tem de tudo um pouco e não é tão grande, quando São Paulo, por exemplo. Viajar Sozinha para Curitiba é realmente uma delícia e super recomendo como primeiro destino solo, assim como também indico Foz de Iguaçu.

Viajar Sozinha para Curitiba – Segurança

Curitiba já foi uma das cidades mais seguras no Brasil. Infelizmente, já não é tanto assim. Aliás, não é em nenhuma cidade brasileira, diga-se de passagem. Curitiba, como as demais capitais brasileiras, também sofre com violência, drogas, pequenos furtos e como em qualquer lugar devemos sempre estar atentas.

Tenha atenção ao passear pelo Centro Histórico, principalmente, na rua São Francisco na última quadra. Apesar de não ter visto absolutamente nada, fui sempre super alertada por motoristas e pelos amigos. Sempre é bom ficar ligada ao que está acontecendo ao seu redor. Também fica o alerta para os arredores da Catedral e Praça Tiradentes, de onde partem os ônibus turísticos.

À noite procure usar Uber (use meu código uberViajanteSoloue e receba desconto na sua viagem) ou Cabify (ganhe desconto fazendo cadastro pelo meu link). Mas se quiser um motorista de confiança do Uber, pode entrar em contato com o Antonio, via WhatsApp, 41 9 9222-8691.

Quando ir e clima

Resposta quase impossível, quando falamos em Curitiba. É uma cidade que te reserva, por vezes, as quatro estações no mesmo dia. Você pode acordar com um sol esplendoroso e terminar com uma chuva de molhar os ossos. Sem contar com o efeito cebola: você sai em um dia frio bem agasalhada e, ao longo do dia, é possível ir tirando as camadas, porque pode esquentar pra valer.

Você vai encontrar mais chuvas nos meses mais quentes, entre novembro e março. O chato é que nesse caso os passeios nos vários parque espalhados pela cidade, vão ficar fora do seu roteiro. Setembro e Outubro também tem chuvas, mas as temperaturas são mais amenas. Já estive por lá em Setembro e achei super agradável. Não choveu e fez dias lindos 🙂

Abril e maio  quase não chove, então poderá ser uma ótima opção. Julho e Agosto são os meses mais frios com temperaturas que variam entre 8°C e 19°C e, para quem não gosta, pode não ser a melhor época. Mas acabo de voltar de lá (Jul 2017) e consegui sobreviver ao frio e ainda pegar 3 dias lindos de sol. O legal em Julho é que você pode prestigiar o V Festival de Inverno do Centro Histórico, que traz muitas atividades legais e gratuitas para conferir na cidade. Falando de eventos, entre final de Março e início de Abril acontece o famoso Festival de Teatro de Curitiba, que desde 1992 atrai milhares de turistas a cidade.

Quer conhecer melhor o clima para se decidir? Confira a média de temperatura mês a mês na Wikipedia.

PARTICIPE DA II SOLO TRAVEL WEEK 

08 a 15 de Agosto de 2017

Veja como planejar uma viagem solo INTELIGENTE, ECONÔMICA, SEGURA!

Conteúdos online & gratuitos com Denise Tonin & Convidados.

Hidden Content

Onde se hospedar

Já estive em Curitiba diversas vezes e sempre procurei me hospedar em bairros e estilos de hospedagem diferentes. Depende sempre do seu orçamento para a viagem e também do seu estilo. Confira os que mais gostei.

Roma Hostel

Viajar Sozinha para Curitiba Roma Hostel

Instalado em um imenso casarão antigo, o Roma Hostel está no Centro e fica a uma quadra do Shopping Estação, muito próximo da Rodoferroviária, de onde saem os passeios de trem para Morretes, e para se deslocar para os passeios é bem fácil.

Leia mais sobre o Roma >> Hostel em Curitiba: Roma Hostel

Che Lagarto (CLH Suites)

Viajar Sozinha para Curitiba Che LagartoApesar de ser conhecido como hostel e todo mundo subentender que só há quartos compartilhados, o Che de Curitiba oferece apenas quartos privativos e está próximo ao Shopping Curitiba, ao bairro Batel e ainda tem transporte praticamente na porta.

Leia minha avaliação e todos os detalhes >> Che Lagarto Curitiba

Ibis Budget Centro

Viajar Sozinha para Curitiba Ibis BudgetO Ibis Budget Curitiba é um hotel econômico localizado no Centro da Cidade, próximo ao Mercado Municipal, Shopping Estação, Rodoferroviária e também do Jardim Botânico. Para quem já se hospedou na rede Ibis, nada de muito diferente. Os quartos são pequenos, mas muito confortáveis. Quase não há serviços, mas para quem quer economizar é uma ótima opção.

Quality Hotel

Viajar Sozinha para Curitiba Quality HotelSe você prefere mais comporto e serviços, poderá escolher o Qualiy Hotel que fica no super agradável bairro do Batel. É um bairro muito charmoso com muitas opções de bares e restaurantes. O hotel é extremamente confortável, staff muito atencioso e um restaurante com ótimas opções.

Leia o Review aqui >> Quality Hotel Curitiba

Transfer Aeroporto ao Centro

O Aeroporto de Curitiba fica, na verdade, no município de São José dos Pinhais, mas você tem várias opções para chegar ao centro da cidade: ônibus executivo (R$15), Uber (aprox R$35), transfer privado ou até mesmo ônibus comum. Veja todos os detalhes de cada opção no post Como ir do Aeroporto Afonso Pena ao centro da cidade.

Preços de Julho de 2017

Como se locomover

Não há metrô em Curitiba, então você poderá fazer uso da Rede Integrada de Transporte Coletivo de Curitiba (RIT), que permite que você use mais de uma linha de ônibus, pagando apenas uma tarifa de R$ 4,25 (jul 2017). O RIT é composto de linhas expressas, alimentadoras, diretas e a interbairros.

Confira as categorias de linhas

Para entender o esquema, veja a imagem abaixo:

RIT Curitiba

Para ver as linhas e horários, acesse o site URBS

Você ainda tem as opções de Uber e Cabify e nos meus deslocamentos saindo do Centro, o máximo que gastei foram R$ 10,00 (Jul 2017).

Quantos dias ficar

Vai depender muito da sua disponibilidade e do seu orçamento é claro. Curitiba é uma cidade que tem muitas coisas para se fazer, conhecer e experimentar. Como estadia mínima, eu recomendo 2 dias e você conseguirá ver os cartões postais da cidade, usando a Linha Turismo e ainda conhecer o Centro Histórico, Jardim Botânico, Museu Oscar Niemayer. Ideal para ter tempo de fazer o passeio de trem até Morretes? 4 dias. Veja abaixo um roteiro de 7 dias com as atrações que conheço e posso indicar. Mas feito no meu ritmo de viagem que é mais devagar e com tempo para apreciar realmente a cidade.

Roteiro 7 dias (passeios)

Dia 1 – Free Walking Tour Centro Histórico, Museu Oscar Niemayer
Dia 2 – Passeio de Trem até Morretes e Antonina, com volta pela Estrada da Graciosa.
Dia 3 – Linha Turismo com paradas em mais de 20 atrações. Recomendadas: Bosque do Alemão, Ópera de Arame, Parque Barigui, Santa Felicidade e Torre Panorâmica
Dia 4 – Jardim Botânico e Parque Tanguá
Dia 6 – Feira do Largo da Ordem (Domingos), Mesquita Imam Ali ibn Abi Talib, Museu Paranaense, Praça Garibaldi
Dia 7 – Tour Curitidoce, Museu do Holocausto

Em breve os posts detalhados dos passeios. Para saber mais, visite o site do Centro Histórico de Curitiba e Instituto Municipal Curitiba Turismo.

Onde Comer & beber

Curitiba é uma paraíso gastronômico e opções para comer e beber é o que não faltam! Nas minhas três visitas recentes pela cidade, conheci alguns lugares que são as opções testadas e aprovadas por mim. Fiz uma separação entre comer e beber, mas em todos é possível fazer os dois 😉

Comer

Nonna Giovanna, Spaghetto, Oriente Árabe, Bar do Alemão

Leia com mais detalhes >> Onde comer em Curitiba

Beber

Bar do Fogo, Jokers, Quintal do Monge, Mustang Sally

Espero que essas dicas ajudem você a planejar a sua viagem solo a uma das cidades que mais gosto de visitar no Brasil. Se tiver alguma outra dica, deixe nos comentários que vou adorar saber.

DEIXE UM COMENTÁRIO! VOU ADORAR!

Please enter your comment!
Please enter your name here